Cofen apura denúncias sobre a vacinação fraudulenta ou indevida contra covid-19

Enfermagem é essencial na vacinação. Confira orientações oficiais do Cofen e saiba evitar "fake news"

137
Print Friendly, PDF & Email

O Sistema Cofen/Conselhos Regionais de Enfermagem recebeu 35 denúncias sobre aplicação indevida ou fraudulenta de vacinas contra a Covid-19. Catorze denúncias já resultaram em processo ético, três foram descartadas na análise preliminar e 18 estão em averiguação.

“Os casos estão sendo apurados diligentemente e, se confirmados, serão punidos com rigor”, afirma a presidente do Cofen, Betânia Santos. Ela recomenda que a denúncia seja feita no respectivo Conselho Regional de Enfermagem (Coren) e pede cautela na divulgação de vídeos acusatórios que expõem o profissional.

“Nem sempre a imagem veiculada confirma a impressão do paciente. A quantidade da vacina injetada é muito pequena e, dependendo das dimensão da seringa utilizada, pode realmente dar a impressão de que a seringa está vazia”, pondera.

Publicidade

Betânia reforça a importância de seguir as orientações do Cofen para maior transparência. Desde fevereiro, a recomendação é que todo o processo de vacinação contra a covid-19, da aspiração do líquido ao descarte do material, seja feito diante do paciente.

Mais de 19 milhões de brasileiros já foram vacinados. “Os casos suspeitos representam uma ínfima fração das vacinas administradas”, afirma a presidente. “A Enfermagem está atuando em situações bastante adversas e, mesmo com todas as dificuldades enfrentadas, os profissionais têm realizado o seu trabalho com compromisso e dedicação”, afirma.

O Cofen recomenda aos profissionais que manifestem aos pacientes e familiares o desejo de aparecer ou não durante o registro (foto ou filmagem) do procedimento. Os profissionais têm resguardado pelo Código de Ética o direito de preservar sua imagem, da mesma forma que o paciente e/ou familiar tem o direito de fazer o registro.

Confira as medidas de prevenção e controle da transmissão durante a vacinação

FONTECofen
Artigo anteriorPaciente com câncer elogia atendimento na rede pública de saúde
Próximo artigoTV Coren-DF realiza Semana da Enfermagem Obstétrica e Neonatal, de 12 a 16 de abril