26.5 C
Brasília
18 maio 2024 17:44


Países Baixos celebram o Dia do Rei com altos investimentos no Brasil

A Embaixada do Reino dos Países Baixos no Brasil celebrou o Dia Nacional, que acontece em 27 de abril, quando é comemorado o aniversário do Rei Willem-Alexander. A festa, conhecida como o Dia do Rei é a maior celebração do país, e conta com vários eventos . Em Brasília o Embaixador André Driessen recebeu convidados em sua residência oficial para comemorar no dia 25. Membros do governo, jornalistas, comunidade neerlandesa e parceiros marcaram presença.

A relação entre os Países Baixos e o Brasil é historicamente amistosa e de longa data, caracterizada por uma cooperação e coordenação bem-sucedidas em diversos campos. Dentro da relação bilateral, comércio e investimentos levam destaque.

O Dia do Rei é uma ocasião para refletir sobre os laços sólidos que unem os dois países. “Neste ano, no Dia do Rei, a nossa data nacional que simboliza a unidade das pessoas que compõem o Reino, celebramos os 50 anos da mudança da Embaixada para Brasília e as relação bilateral. Holanda e Brasil têm uma relação histórica e de amizade. Nos últimos 50 anos, nesta bela cidade modernista que nos acolheu tão bem, consolidamos a cooperação mútua em várias áreas. Através de uma exposição na recepção, mostramos alguns destaques. Estou muito entusiasmado com o que está por vir, pois Holanda e Brasil vão aprofundar ainda mais sua parceria, principalmente nos temas de agricultura sustentável, transição energética, água, logística verde e inovação,” disse Andre Driessen, Embaixador do Reino dos Países Baixos para o Brasil.

Economia e Sustentabilidade

A economia Holandesa atingiu recentemente 1 trilhão (1000 bilhões) de dólares e atualmente é a número 18 no mundo. Aparece em posições proeminentes nas listas de países inovadores e até mesmo dos países mais felizes no mundo.
A Holanda possui desafios de sustentabilidade, ligados à agricultura, transição energética, gerenciamento dos recursos hídricos e outros temas que visam garantir um futuro seguro para a população. Essas questões são encontradas em várias regiões do mundo e se transformam em oportunidades de cooperação entre países. Com o slogan #SolvingGlobalChallengesTogether, os Países Baixos estão fortalecendo os laços com o Brasil visando resolver questões tão importantes para os dois países que estão comprometidas com uma cooperação econômica mais estreita, especialmente no contexto da sustentabilidade.

Esta ambição é visível em todos os setores econômicos prioritários, que são: transição energética, agricultura sustentável, inovação e água & logística sustentável. Na cooperação na área de energia, está sendo preparado um memorando de entendimento em conjunto com o ministério de Minas e Energia verde. Será assinado ainda esse semestre um documento sobre Hidrogênio verde que também é parte da cooperação bilateral na área de logística. Os Países Baixos e o Brasil investem na criação de um corredor logístico para hidrogênio verde entre o porto de Pecém e o porto de Rotterdam. Na área de agricultura sustentável, há uma cooperação ativa com várias visitas e intercâmbios de peritos com conhecimento em, por exemplo, agricultura de precisão e métodos que preservem a biodiversidade. Em novembro, uma missão holandesa virá ao Brasil para aprofundar o tema de bio insumos.

Inovação é uma cooperação já bastante sólida, os dois países organizam todo o ano uma reunião de comitê misto para definir os temas e a alocação de orçamento em ambos os lados para a cooperação científica e tecnológica e estão comprometidos com uma cooperação econômica mais estreita.

Este ano, a reunião ocorre em Brasília no dia 7 de maio. Ainda na área econômica, é dado um importante destaque ao meio ambiente e à mudança climática. A Holanda é uma interlocutora ativa com o governo brasileiro e com a sociedade civil nesses temas e no tema de combate ao desflorestamento com vários projetos e investimentos. Está sendo preparada uma visita do Enviado Especial para o Clima, príncipe Jaime de Bourbon, para o começo do segundo semestre.

A Importância do Brasil para os Países Baixos

O Brasil é o parceiro comercial mais importante para os holandeses na América Latina, com um volume de carga exportado no valor de 19,5 bilhões de euros em 2022. O país é também o quarto maior destino brasileiro de exportação no mundo, no valor de 24 bilhões de euros no mesmo ano. Roterdã é a porta para a Europa para muitos produtos exportados pelo Brasil. Além disso, é o segundo maior investidor direto no Brasil, com base em dados do Banco Central sobre 2022, com um total de 211,20 bilhões de euros, gerando em torno de 100.000 empregos

Está sendo finalizado junto ao Brasil um Mapa do Caminho, que não apenas representa a forte relação já existente, mas também engloba os passos de aprofundamento nessas áreas de cooperação. Espera-se poder lançar este Mapa nos próximos meses, com a assinatura pelos dois ministros de Relações Exteriores. Uma das áreas que faz parte desse Mapa é a cooperação de Defesa.

Defesa

Os Países Baixos e o Brasil assinaram, em outubro do ano passado, um “acordo sobre informação classificada”. O acordo está atualmente em processo de ratificação. Uma das primeiras atividades dentro deste acordo é a aquisição prevista de cinco KC-390 aviões de transporte táticas da Embraer pela defesa holandesa. Tanto o acordo quanto a compra impulsionarão uma cooperação mais estreita, não apenas com a Holanda mas com a Europa, na área de defesa.

Cultura e projetos

Cultura e patrimônio também fazem parte da cooperação bilateral e do Mapa. Além disso, a embaixada tem um edital que financia projetos brasileiros que preservem, promovam e / ou pesquisem a presença holandesa
Foi organizado recentemente em Salvador um congresso internacional com apoio da Holanda, sobre o ano de 1624 , quando os Holandeses estiveram por lá, Na tentativa de conquistar a cidade.

O Dia do Rei é um “Dia Laranja” holandês, a cor refere-se ao sobrenome da Casa Real, Orange-Nassau. Todos que visitaram os Países Baixos durante essas celebrações certamente lembrarão da atmosfera festiva e relaxada em todo o país e dos trajes laranja criativos de todos que participam das celebrações. O Rei Willem-Alexander e sua família fazem parte das festividades, todos os anos em uma parte diferente do país.

LEIA TAMBÉM

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever