Covid-19: MPDFT quer informações sobre destinação de vacinas para forças de segurança

MPDFT requisitou a lista de todos integrantes das forças de segurança imunizados até o momento

22
Print Friendly, PDF & Email

força-tarefa de enfrentamento à Covid-19 do Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT) requisitou informações sobre as decisões do Comitê de Vacinação da Secretaria de Saúde do DF (SES-DF) em relação ao direcionamento das vacinas contra a Covid-19 recebidas do Ministério da Saúde, em especial sobre a destinação de doses para os órgãos que compõem as forças de segurança.  O ofício foi encaminhado nesta quinta-feira, 27 de maio e as informações devem ser prestadas em até 72 horas.

O MPDFT quer saber se tais atos do Comitê são registrados por escrito e devidamente motivados, além de digitalizados no sistema SEI. Em caso de resposta positiva, a Secretaria deverá possibilitar à força-tarefa acesso às informações. A  SES também deverá informar qual foi a fundamentação objetiva da inclusão dos funcionários da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) entre os grupos prioritários de vacinação e se também estão incluídos os trabalhadores terceirizados que trabalham nas dependências da agência.

O MPDFT requer, ainda, a lista de todos integrantes das forças de segurança imunizados até o momento, identificados pelos órgãos aos quais estão atualmente lotados  (PMDF, CBMDF, PCDF, PF, PRF etc.), independente do seu órgão de origem. A SES também terá que informar qual proporção de cada uma das forças contempladas que já foram vacinadas, em comparação com o total a ser atingido, nos termos do Plano Nacional de Imunização.

Publicidade

Clique aqui para acessar o teor do ofício.

FONTEMPDFT
Artigo anteriorSenado prorroga IPI zero em carros para pessoas com deficiência
Próximo artigoDistrito Federal é condenado a indenizar paciente por dupla negligência médica