Gambá, o verdadeiro mascote do governo Petista

176
Print Friendly, PDF & Email

O auge da sujeira deixada pelo governador, Agnelo Queiroz (PT) atingiu até as unidades de saúde do Distrito Federal. Uma espécie de gambá foi encontrado na última sexta-feira (26) no refeitório onde pacientes grávidas se alimentam no Hospital Materno Infantil de Brasília (HMIB). O motivo foi a greve dos trabalhadores de limpeza que prestam serviços ao GDF, por atraso de salários.

Embora os petistas do DF acreditem que o episódio dos gastos com a copa do mundo estão superados, Fuleco, o mascote da Copa do Mundo de 2014, acabou de ser destronado. Isso porque nosso amigo Gambá, deu o ar de sua graça para reivindicar o título de mascote. Não da copa do mundo, mas do governo PT.

Afinal se tem uma coisa que não falta no DF e no Brasil é sujeira. A operação Lava Jato da Polícia Federal bem que está tentando tirar a sujeira que contaminou a Petrobrás com o maior escândalo de corrupção já registrado no país. Escândalo que mostra que os bam-bam-bans das maiores empreiteiras brasileiras bem como políticos das cúpulas do PT, PMDB e PP, sujaram tanto o nome de nossa República que até entidades internacionais estão nos processando para cobrar o prejuízo por causa do rombo de bilhões de Reais. A sujeira, de acordo de delatores já constatados pela PF podem ter chegado a outras estatais brasileiras, a exemplo das Furnas.

Publicidade

Mas chama a atenção outro tipo de imundície, a do “eu não sabia”, que surgiu após os restos de pizzas do alto clero político brasileiro. Não antes de uma crise de amnésia do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que “não sabia de nada”, no episódio de outra sujeira já encrostada nas arestas brasileiras, o mensalão.

Mas na capital do país, a sujeira tinha que ser um exemplo. Afinal estamos falando da capital do Brasil minha gente. E nesse sentido Agnelo resolveu ser literal. Não bastassem a sujeira dos supostos superfaturamentos investigados pelo Tribunal de Contas do DF (TCDF), Mané Garrincha que o diga! No DF foi preciso mostrar que a sujeira foi tanta que Agnelo sumiu com a verba do DF, talvez por varrer os recursos públicos da cidade, tentando fazer a limpeza da Casa, para mostrar que existiam alguns trocados nos cofres.

Mas o tiro saiu pela culatra e quem de fato pegava na vassoura, recolhia o lixo ou fazia o roçado das gramas, cruzou os braços e deixou o lixo aparecer. Nesse cenário o mascote petista deu o ar de sua graça. Não sei se para se despedir ou para lembrar que a sujeira petista deixada nos últimos quatro anos, está fedendo e dando náuseas à população brasileira até hoje.

Não se pode esquecer que Dilma se reelegeu, já nomeou parte da nova equipe de governo e que dentre eles já há até ministro do Esporte, envolvidos em lixos de outros ‘universos’. Mais que isso, que PT, PMDB e PP, que nos últimos dias têm se lavado com muito alvejante a base de soda cáustica, mas que talvez não consigam tirar a crosta negra das manchas do petróleo, ou melhor, do Petrolão.

Pelo andar da carruagem, nosso amigo Gambá deve voltar a dar o ar de sua graça. Resta saber se a capa presta da Justiça brasileira conseguirá afugentar de vez nosso amigo conhecido pelo casaco de pele negra com lista branca.

Artigo anteriorAgnelo tira dinheiro de áreas prioritárias para realizar Réveillon na Esplanada dos Ministérios
Próximo artigoOpinião: Lula versus Dilma