MPT no Tocantins destina mais R$ 700 mil para o combate ao novo Coronavírus no Estado

106


Print Friendly, PDF & Email

Recurso será aplicado na realização de exames laboratoriais, na fabricação de máscaras de proteção e na compra de monitores para acompanhar a evolução dos indicadores de saúde dos pacientes

Atuação conjunta dos procuradores Cecília Amália Cunha Santos, Gisela Nabuco Magela Sousa e Paulo Cezar Antun de Carvalho, do do Ministério Público do Trabalho no Tocantins, resultou em destinações sociais para o combate ao contágio do Coronavírus no Estado.

Foram destinados R$ 697 mil para a realização seis mil exames relacionados ao novo Coronavírus por três meses, além de aquisição de insumos, máquinas e equipamentos de uso permanente para o Laboratório Central da Saúde Pública do Estado do Tocantins (LACEN-TO).

Publicidade

Outros R$ 29 mil para a aquisição de monitores modulares multiparamétricos – que acompanham os respiradores necessários para o tratamento de pacientes com COVID-19 – a serem utilizados pelo Hospital Regional de Araguaína (TO).

Também foram destinados R$ 25 mil para aquisição de impressoras e insumos a serem utilizadas pela Universidade Federal do Tocantins (UFT) para fabricação de protetor facial – equipamento de proteção individual necessário para os profissionais da área da saúde –. e de peças de reposição dos respiradores e ventiladores.

De acordo com o procurador Paulo Cezar Carvalho, “o objetivo é que haja reversão dos valores existentes em benefício da sociedade tocantinense”.

Fonte: MPT