Pauta de reivindicações é entregue ao deputado Jorge Vianna na CLDF

433
Print Friendly, PDF & Email

Por Rayane Fernandes 

Em reunião com o deputado Jorge Vianna (Podemos), nessa segunda-feira (11), o presidente e diretores do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem (Sindate-DF) entregaram a pauta de reivindicações da categoria. Na ocasião, o deputado se comprometeu a reforçar e intermediar com o governo os pontos solicitados pelo sindicato.

“Agora que temos um representante da Saúde na Câmara Legislativa, a atuação dele será muito importante para que a categoria conquiste os direitos pleiteados. Esperamos que, com isso, os pedidos sejam atendidos com mais facilidade”, comentou o presidente do Sindate-DF, João Cardoso.

Foto: Wilter Moreira
Diretoria do Sindate-DF com o deputado Jorge Vianna (Podemos). Foto: Wilter Moreira

Na reunião, o Sindate solicitou auxílio ao deputado em relação à volta do terceiro tripulante no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Hoje, há apenas dois profissionais atuando nas ambulâncias, o que deixa o trabalho sobrecarregado.

Também foi sugerido que haja mudança na legislação tanto para a mudança na tabela de classe de padrão, fazendo com que os técnicos cheguem ao último nível da carreira com 18 anos de serviço ao invés de 25 anos, como é hoje, quanto para a concessão de folga compensatória para Unidades de Pronto Atendimento, SAMU e Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). Essa folga é concedida atualmente apenas para técnicos das unidades hospitalares.

Publicidade

Pauta de reivindicações

A pauta também já foi entregue para o governador Ibaneis Rocha e para o secretário de Saúde, Osnei Okumoto. Entre os pedidos, estão a implantação do plano de carreira, concessão das 40 horas semanais, incorporação da Gratificação de Atividade Técnico Administrativo (GATA) e regularização dos pagamentos do Adicional Noturno, Insalubridade e Titulação.

TPD
Também consta na pauta o pedido de divulgação de um calendário de pagamento do Trabalho por Tempo Determinado (TPD). Nessa segunda-feira (11), conforme divulgado pela Secretaria de Saúde (SES-DF), foram pagos mais de R$ 4,8 milhões de TPD referente ao mês de outubro, a 2.771 servidores da pasta. Segundo a SES, “as folhas referentes aos valores de novembro e dezembro estão em apuração de inconsistências e ajustes. Assim que estiverem concluídas, a pasta providenciará o pagamento”.

O Sindate-DF acompanha a situação e espera que os demais débitos sejam regularizados o mais rápido possível.

Fonte: Sindate-DF