Crise atual é de líderes que transformaram política em balcão de negócios, diz Caiado

Print Friendly, PDF & Email

O líder do Democratas no Senado, Ronaldo Caiado (GO), disse nesta terça-feira (30/05) que a crise que país passa hoje não é política, mas é de pessoas que transformaram a política em um balcão de negócios. O senador falou sobre o cenário atual da economia e política bem como a capacidade tecnológica, produtiva e a sustentabilidade da agropecuária brasileira no Fórum Mitos e Fatos, promovido pela Jovem Pan em São Paulo.

“A crise não é política. É de líderes que estão sendo descredenciados por terem transformado a política em um balcão de negócios”, afirmou. No entanto, na opinião do líder, “a crise política se resolve na política”. “A classe política tem que resolver os assuntos. E nós vamos resolver o assunto. Daremos continuidade às reformas. A reforma trabalhista está no Senado e vamos votá-la”, assegurou.

Ainda no campo da política, Caiado criticou o comportamento de parlamentares e do grupo de pessoas que na última quarta-feira (24/5) promoveram agressões como forma de protesto às reformas e ao governo. Para Caiado, o povo condena essa conduta de depredação de patrimônio como suposta manifestação. “O povo brasileiro ordeiro, pacífico e trabalhador não deseja aquelas pessoas coordenando o País”, disse.

Agropecuária

O parlamentar ainda comentou o preconceito que a agropecuária brasileira passou por anos, falou sobre o impacto da operação carne fraca perante o mercado externo devido a uma comunicação errada e ressaltou a evolução tecnológica que propiciou maior produtividade com proteção ambiental.

“Havia muitos conceitos preconceituosos com o setor rural. O preconceito de que o homem do campo não tem compromisso com o social e só queria benefícios com o governo. A realidade hoje já é outra. Hoje o setor urbano já tem uma outra visão do setor rural”, disse. O produtor rural sabe que precisa cuidar o do meio ambiente. O produto brasileiro segue o Código Florestal mais exigente do planeta. Estamos construindo o que é uma produção sustentável com técnicas, como o plantio direto e incluindo o que há mais de sofisticado de tecnologia”, pontuou.

Fonte: Liderança Democratas Senado

0