Força-tarefa apresenta resultados das apurações de atendimentos a gestantes no HRSam

52


Print Friendly, PDF & Email

Grupo criado com a participação do MPDFT apresentará os resultados dos três meses de trabalho na próxima terça-feira, 12/11, às 13h, no Instituto de Identificação

A força-tarefa criada para apurar denúncias sobre atendimentos prestados pelo Hospital Regional de Samambaia (HRSam) nas áreas de ginecologia e obstetrícia apresentará os resultados das ações e providências adotadas. Será realizada, nesta terça-feira, 12 de novembro, coletiva de imprensa no auditório do Instituto de Identificação (Complexo da Polícia Civil, ao lado do Parque da Cidade), às 13h.

Além dos pronunciamentos dos integrantes do grupo de trabalho, serão apresentados os resultados periciais das denúncias de violência obstétrica pelo Instituto de Medicina Legal (IML/PCDF). A força-tarefa foi instituída em julho de 2019 para tratar das notícias veiculadas pela imprensa sobre atendimentos prestados nas áreas de ginecologia e obstetrícia do HRSam. O grupo divulgou uma nota pública conjunta com esclarecimentos para a população sobre o início dos trabalhos.

Estarão presentes representantes das delegacias de Samambaia (26ª DP e 32ª DP), do Instituto de Medicina Legal (IML/PCDF), da Secretaria de Saúde, do Hospital Regional de Samambaia e da Promotoria de Justiça Criminal de Defesa dos Usuários dos Serviços de Saúde (Pró-vida) e do Núcleo de Gênero, ambos do MPDFT. O Conselho Regional de Saúde de Samambaia, o Conselho Regional de Medicina e o Sindicato dos Médicos do Distrito Federal também participarão da coletiva.

Fonte: MPDFT

Publicidade