Guedes repassa R$ 60 milhões ao Ministério do Meio Ambiente após suspensão de combate a incêndios pelo Ibama

22


Print Friendly, PDF & Email

Por Kleber Karpov

O Ministério da Economia informou, nesta sexta-feira (23), o remanejamento de R$ 60 milhões do limite de pagamento para o Ministério do Meio Ambiente (MMA). O remanejamento ocorrerá por meio de portaria, a ser publicada no Diário Oficial da União (DOU),  após o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) suspender as ações de combate a incêndios por falta de recursos.

Na quinta-feira (22/Out), o IBAMA divulgou nota para informar a suspensão dos trabalhos por “exaustão de recursos”. O órgão ratificou a dificuldade enfrentada, desde setembro, no que tange a “liberação financeira por parte da Secretaria do Tesouro Nacional”, com atrasos de R$ 19 milhões.

Publicidade

Com a anúncio da liberação dos R$ 60 milhões, o ministro do MMA, Ricardo Salles, agradeceu ao ministro Paulo Guedes (Economia). “Quero agradecer ao nosso ministro Paulo Guedes, que acaba de me informar que deve liberar, ainda hoje, os 60 milhões necessários à continuidade das ações do IBAMA no combate às queimadas e ao desmatamento ilegal”, escreveu.