Sindate questiona Coren-DF sobre técnicos em enfermagem exercerem atribuição de laboratório a pacientes em isolamento pelo COVID-19

385
sindate tendas 1
sindate tendas 1
Print Friendly, PDF & Email

A direção do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem do Distrito Federal (Sindate-DF) protocolou junto ao Conselho Regional de Enfermagem (COREN-DF) na última sexta-feira (27/03), um ofício solicitando parecer sobre a coleta de material de swab, sangue e instalação de hemoderivados a pacientes suspeitos e confirmados pelo Covid-19 a serem efetuados por técnicos em enfermagem de Unidades Básicas de Saúde (UBS), clínicas e hospitais.

A solicitação da entidade destaca a Circular nº 07/2020, divulgada pela Secretaria de Estado de Saúde (SES) em 23 de março sobre as medidas de segurança e otimização de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) no enfrentamento do Covid-19 no Distrito Federal, em que determina aos integrantes da equipe de assistência à saúde com atuação no isolamento, que realizem a coleta dos materiais biológicos para exame de pacientes com suspeita ou casos confirmados do novo coronavírus.

O diretor do Sindate Newton Batista destaca que o sindicato provocou o Conselho Regional de Enfermagem no sentido da emissão de um parecer acerca da conduta de atribuições destinadas aos técnicos em enfermagem nas unidades que possuem em seu quadro técnicos e auxiliares de laboratório para que as coletas e a realização de sangue e derivados sejam realizadas pelos profissionais que possuem as funções.

Fonte: Sindate-DF