Bispo Renato destina R$ 8,7 milhões para pagamento de horas extras de servidores da Saúde do DF

Print Friendly, PDF & Email

Recurso será utilizado para pagamento das HEs de julho

Por Kleber Karpov

A Câmara Legislativa do DF (CLDF) aprovou, na terça-feira (5/Nov), o Projeto de Lei (PL) 1.818/2017, de autoria do deputado distrital, bispo Renato Andrade (PR), a destinação de R$ 8,7 milhões para a Saúde do DF. O recurso deverá ser utilizado pela Secretaria de Estado de Saúde do DF (SES-DF) para custeio do pagamento das Horas Extras (HEs), relativas ao mês de julho. Na rede social, o distrital, comemorou a aprovação do PL.

“Foi aprovado! Nós conquistamos, neste momento, a aprovação em plenário da emenda de R$8,7 milhões para o pagamento das horas extras dos servidores da saúde! Como eu sempre digo: em meu mandato, saúde pública é prioridade. Vamos nos mobilizar, a partir de agora, para o governador executar esta emenda e pagar os valores atrasados. Vamos em frente! O trabalho não pode parar.”.

Cético, o vice-presidente do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem do DF (SINDATE-DF), Jorge Vianna, também comemorou, porém, com ressalvas. “Vamos torcer para que eles peguem esse dinheiro e pague as Horas Extras e não façam outras coisas com ele [dinheiro].”, disse Vianna.

Tô de olho!

Em se tratando de saúde pública, Renato Andrade também está de olho no andamento das obras do Laboratório de Nutrição Enteral e Lactário do Hospital de Base do DF (HBDF).

Na terça-feira (5/Dez), distrital esteve na unidade para acompanhar a evolução das obras, juntamente com o Secretario-adjunto de Gestão em Saúde: Ismael Alexandrino Junior, que também dirige o HBDF.

“Nós destinamos emendas parlamentares para esta reforma e graças ao esforço conjunto, as obras estão a pleno vapor! 💪A previsão é que muito em breve o laboratório esteja pronto para os pacientes.”.

0