Ligações indesejadas: Lista do Não me Perturbe já tem mais de 600 mil pessoas

Podem se cadastrar no site os que rejeitam chamadas de telemarketing

site Não me Perturbe  já teve 620 mil pessoas cadastradas no primeiro dia no ar. A iniciativa é das operadoras de telecomunicações e atende a uma determinação da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). O site é um canal no qual podem se cadastrar pessoas que não desejam mais receber chamadas de telemarketing de serviços de telefonia, dados e de TV paga.

O balanço preliminar foi divulgado pela Anatel em reunião com representantes das companhias do setor e do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), nesta terça-feira (16).

Publicidade

As pessoas que não desejarem receber esse tipo de chamada podem incluir seu nome no site, no ar desde o início desta terça-feira (16).

A lista vai ser única e atingirá as principais empresas do setor: Algar, Claro/Net, Nextel, Oi, Sercomtel, Sky, TIM e Vivo.

Segundo a Anatel, se uma pessoa solicitar a sua inclusão na lista do Não me Perturbe e continuar recebendo ligações de oferta de bens e serviços de telecomunicações, pode ligar para o número 1331 e fazer uma reclamação. As sanções podem variar de advertência a multa de até R$ 50 milhões.

Assista na TV Brasil: Proibição de telemarketing de telefônicas começou nesta terça-feira

Confira também: Anatel vai fazer uma pesquisa para avaliar a qualidade de telefonia

Fonte: Agência Brasil

Artigo anteriorSolidariedade: pessoas em situação de rua em três cidades do DF recebem doações do MPDFT
Próximo artigoMPC/DF aponta desvio de atividade do Instituto de Saúde do DF