22.5 C
Brasília
21 maio 2024 00:50


Críticas a Ibaneis resvalam em governos anteriores, durante discussão em plenário

Por Denise Caputo

A sessão da Câmara Legislativa desta quarta-feira (3) foi marcada por discussões envolvendo os governos de Ibaneis Rocha, Rodrigo Rollemberg e Agnelo Queiroz. Problemas herdados, situação dos cofres públicos de uma gestão para a outra, entre outros assuntos, dividiram e – muitas vezes – juntaram os deputados, que se revezaram no debate.

A discussão começou a partir de críticas do deputado Chico Vigilante (PT) a falas do governador Ibaneis de que teria arrumado a “economia que pegou desarrumada do PT [de Agnelo]”. “As creches que estão sendo construídas foram lançadas no governo Agnelo; as UPAs também”, registrou.

Para justificar a fala do atual chefe do Buriti, o deputado Jorge Vianna (PSD) lembrou que o governador Rollemberg dizia, no início de seu mandato, em 2015, que o GDF não tinha dinheiro. “Assim que ele assumiu, o governo estava zerado, por isso começou aquela política de divisão do pagamento dos salários do serviço público”, afirmou. “É fato que o governo PT foi o que mais construiu creches. Talvez, por ter comprado muito (sic.), ficou devendo demais”, avaliou.

O deputado Wellington Luiz (MDB), por sua vez, dirigiu duras críticas ao antecessor de Ibaneis: “Mentir era com ele [Rollemberg], e foi um governo que perseguiu muita gente”.

A partir daí, diversos deputados reclamaram da gestão Rollemberg. “Ele envergonhou Brasília, perseguiu o pai de família, o servidor público. É o governador que mais derrubou casa no DF”, atacou o deputado Rogério Morro da Cruz (PRD) que, em contrapartida, teceu elogios ao governo atual. “Está lutando pela regularização fundiária”, disse.

Já o deputado Fábio Felix (PSOL) afirmou ter muitas críticas ao governo de Rollemberg, mas ponderou: “Temos de olhar para a realidade e a atualidade, estamos num momento de crise tão ruim quanto era na época”. Em relação ao governo Ibaneis, ele criticou a instalação de tendas da Saúde “em locais insalubres, com profissionais que são os mesmos que deviam estar nas UBS”. “A pior gestão da dengue é a do governador Ibaneis Rocha”, disparou.

O deputado Chico Vigilante também abordou o cenário da saúde pública do DF. “O Iges/DF foi criado por Rollemberg e, depois, Ibaneis ampliou”, lembrou. E completou: “Ou dá um jeito no Iges ou vai destruir a Saúde do DF”.

O líder do governo na Casa, deputado Robério Negreiros (PSD), rebateu as críticas: “A Saúde já tinha problemas antes mesmo de haver eleição para governador no DF”. Ele ainda acrescentou: “Ibaneis é prático, é rápido. Ainda bem que era o governador na época da pandemia [de Covid-19]”.

LEIA TAMBÉM

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever