13.5 C
Brasília
28 maio 2024 06:38


TCDF promove evento sobre ética e combate ao assédio no ambiente de trabalho

Uma pesquisa espontânea realizada pelo Instituto Rui Barbosa (IRB) nos Tribunais de Contas do país revelou que 35% dos participantes afirmam ter sofrido assédio moral no local de trabalho e quase metade deles (47,6%) disseram ter presenciado outra pessoa da instituição sofrendo com uma conduta abusiva. Ainda segundo a pesquisa, aplicada por meio de questionário online, 15,7% dos participantes responderam já ter sofrido assédio sexual na instituição em que atuam e, 21,8% afirmaram já ter presenciado uma pessoa sofrendo assédio sexual.

Para combater casos assim, o Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) vai realizar, no dia 2 de maio, das 14h às 18h, no plenário da Corte, o Corregedoria Day. O evento deste ano, que é promovido pela Corregedoria do TCDF com apoio da Escola de Contas, tem como tema o “Combate ao assédio no ambiente de trabalho”. A ideia é sensibilizar e mobilizar os membros, servidores e colaboradores do Tribunal e de outros órgãos do Governo do DF sobre os diversos tipos de condutas abusivas no local de trabalho que, além de contaminar as relações interpessoais, corrompem o clima organizacional.

O evento vai reunir especialistas no tema e corregedores de diversos órgãos do Distrito Federal. Entre as palestrantes estão Nildete Santana de Oliveira, que é doutora em Direito e presidente da Comissão da Mulher Advogada da OAB/DF; Janaína Freire, agente da Polícia Civil do Distrito Federal e mentora emocional de mulheres; e Monique Furtado, advogada, professora e especialista em Direito, Economia e Compliance pela Universidade de Coimbra.

Completam o time a Procuradora do Ministério Público junto ao TCDF, Claudia Fernanda de Oliveira Pereira, e os corregedores Giulliano Caçula Mendes, da Procuradoria-Geral do DF; Juliana Leandra de Lima Lopes, da Defensoria Pública do DF; Ecimar Loli, da Polícia Civil do DF; Leonardo Siqueira, da Polícia Militar do DF; além do presidente da Associação dos Servidores do TCDF, Mikhail Eirado. O corregedor do TCDF, Conselheiro Manoel de Andrade, será o mediador dos debates.

A iniciativa faz parte de uma mobilização nacional proposta pelo Instituto Rui Barbosa. Durante o Corregedoria Day, também haverá a promoção da “Cartilha de Conscientização e Combate aos Assédios Moral e Sexual nos Tribunais de Contas”, clique aqui para acessar a cartilha. A publicação digital, produzida pelo Comitê Técnico de Corregedorias, Ouvidorias e Controle Social do IRB, busca ampliar a discussão sobre assédio moral e sexual, tema pouco abordado nas organizações, além de informar, conscientizar e fortalecer as estratégias de prevenção, reduzindo, assim, o número de casos desse tipo de violência nas Cortes de Contas do país.

LEIA TAMBÉM

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever