15.5 C
Brasília
23 maio 2024 02:54


Capacitação aprimora assistência a crianças em condições complexas de saúde

Ciclo de estudos vai até dezembro envolvendo toda a equipe de 107 profissionais do Serviço de Cuidados Prolongados Pediátricos do Hospital Regional de Santa Maria

Aprimorar a assistência prestada a crianças portadoras de condições crônicas complexas de saúde, Esse é o principal objetivo da série de estudo multidisciplinar com 21 palestras que começou a ser apresentada nessa sexta-feira (14) no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), uma das 15 unidades de saúde pública administradas pelo Instituto de Gestão Estratégica do Distrito Federal (IgesDF).

‌A capacitação vai até dezembro envolvendo os 107 profissionais da equipe do Serviço de Cuidados Prolongados Pediátricos (SECPP). Também conhecido pela sigla UPC Ped, o setor surgiu em outubro de 2019, para cuidar exclusivamente de crianças com doenças crônicas complexas, como são chamadas as que acometem severamente um ou mais sistemas do corpo, a exemplo de diabetes e câncer.

Profissionais do Hospital Regional de Santa Maria participam de capacitação sobre crianças portadoras de condições crônicas complexas | Foto: Divulgação/IgesDF

Um grupo de 24 profissionais compareceu aos estudos sobre cuidados de pacientes com doenças crônicas. Com o tema “O Cuidado às Crianças Portadoras de Condições Crônicas Complexas”, o ciclo de estudos foi motivado pela “necessidade de aprimorar o conhecimento sobre o perfil dos pacientes assistidos na SECPP”, segundo a médica pediatra Lara Meira, uma das palestrantes.

De acordo com a especialista, as doenças crônicas são aquelas que apresentam início gradual, com duração longa ou incerta, que em geral têm múltiplas causas e cujo tratamento envolve mudanças de estilo de vida, em um processo de cuidado contínuo que usualmente não leva à cura.

“Buscamos aprimorar a assistência com qualidade, ética e excelência, criando condições para a formação, educação permanente e desenvolvimento de habilidades dos profissionais de saúde em uma área tão singular”, detalhou.

Palestras presenciais e online

As palestras são realizadas sempre às 7h30 para facilitar a participação presencial ou online dos profissionais. “Nesse horário, as crianças estão dormindo, permitindo a presença deles nas atividades”, esclareceu a enfermeira e chefe dos serviços de Enfermagem da UCP Ped, Raquel Oliveira, a primeira palestrante da série.

Veja aqui os temas e as datas de cada palestra promovido pelo IgesDF.

LEIA TAMBÉM

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever