Câmara aprova texto-base de projeto que regulamenta trabalho de gestantes na pandemia

125
gravidas
gravidas
Print Friendly, PDF & Email

A Câmara dos Deputados aprovou o texto-base do Projeto de Lei 2058/21, que estabelece medidas sobre o trabalho de gestantes durante a pandemia. Os deputados analisam agora os destaques apresentados pelos partidos na tentativa de mudar trechos do texto.

De acordo com o parecer da relatora, deputada Paula Belmonte (Cidadania-DF), o afastamento da gestante do trabalho presencial será garantido apenas se a gestante não tenha ainda sido totalmente imunizada (15 dias após a segunda dose). Hoje, não há esse critério.

De autoria do deputado Tiago Dimas (Solidariedade-TO), o projeto muda a Lei 14.151/21, que garantiu esse afastamento com remuneração integral durante a emergência de saúde pública do novo coronavírus.

Publicidade

FONTEAgência Câmara
Artigo anteriorCPI: presidente da ANS anuncia instauração de ‘direção técnica’ na Prevent Senior
Próximo artigoCâmara aprova convocação de Paulo Guedes para explicar offshore em paraíso fiscal