25.5 C
Brasília
14 jun 2024 19:15


Tráfego na rodovia BR-116/RS, liberado nesta quinta-feira (16), garante fluidez ao trânsito na região de Guaíba (RS)

“Graças a essa pronta resposta de nossas equipes em campo, garantimos que o estado não vivesse uma crise de desabastecimento”, concluiu Renan Filho

O tráfego em pista dupla, na altura do Km 294 da BR-116/RS, no município de Guaíba, foi totalmente liberado nesta quinta-feira (16), o que garante mais agilidade e fluidez à passagem de veículos de atendimento emergencial, entre as cidades atingidas pelas chuvas que assolaram o Rio Grande do Sul.

O desbloqueio é uma das ações emergenciais do Ministério dos Transportes, por meio do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), que busca devolver ao povo gaúcho os principais acessos viários destruídos pelas inundações dos últimos dias.

“Já liberamos completamente 28 pontos que estavam interrompidos e temos outros 12 trechos com liberação parcial, onde só é permitido tráfego com escolta, o que permite levar alimentos, água, oxigênio, remédios e combustível para as cidades necessitadas”, destacou o ministro Renan Filho. “Graças a essa pronta resposta de nossas equipes em campo, garantimos que o estado não vivesse uma crise de desabastecimento”, concluiu.

Com a nova liberação, esse trecho da BR-116/RS em Guaíba, que estava funcionando em pista simples, não tem mais nenhum tipo de restrição ao trânsito.

São Leopoldo

Outro ponto que ganhou liberação parcial foi a alça sentido Novo Hamburgo do novo viaduto da Scharlau, também na BR-116/RS, mas em São Leopoldo. O ramal do viaduto passa a compor o caminho assistencial que conecta a região metropolitana do estado às regiões Central, Sul e Serra Gaúcha.

Com isso, o trecho passa a contar com tráfego preferencial de veículos de segurança, socorro e transporte de suprimentos e é solicitado que condutores de veículos leves evitem o local por medida de segurança e para garantir a fluidez e agilidade no atendimento à população afetada.

Reestruturação rodoviária

Desde a última terça-feira (14), o ministro Renan Filho cumpre extensa agenda de trabalho no RS. Entre as principais ações estão vistorias em diversos pontos da BR-116/RS, da BR-153/RS, da BR-470/RS e da BR-431/RS. Um dos casos mais graves se refere à ponte do Rio Caí, no km 174 da BR-116, divisa entre Caxias do Sul e Nova Petrópolis, onde a força das águas provocou danos estruturais em pelo menos um dos pilares da passagem.

“O Exército deve terminar de vistoriar o local hoje e nossa intenção é iniciar logo o estabelecimento de uma ponte metálica provisória. Além disso, a reconstrução da ponte será a primeira contratação emergencial, com orçamento pronto e previsão de contratação de construtora para os próximos 30 dias”, detalhou Renan Filho.

Essa é a terceira vez que o ministro Renan Filho viaja ao estado para acompanhar as ações de reestruturação da infraestrutura rodoviária atingida, desde que as chuvas se intensificaram.

Mais liberação

Abaixo a situação atualizada, nesta quinta-feira, das rodovias federais do RS atingidas pelas chuvas:

  • Trechos totalmente liberados: 80
  • Trechos parcialmente liberados: 9
  • Trechos liberados para emergências: 6
  • Trechos com obras e/ou serviços em andamento: 17
  • Trechos com bloqueio total: 35

LEIA TAMBÉM

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever