21.5 C
Brasília
17 jun 2024 14:08


Dia das Mães: feiras oferecem boas opções em flores, gastronomia e moda

Confira os endereços e horários de funcionamento dos locais mais procurados para comprar presentes ou se divertir em uma das datas mais especiais do ano

Por Jak Spies

Com 38 feiras permanentes, o Distrito Federal conta com um leque de possibilidades para quem busca o presente ideal para o Dia das Mães. E não apenas presentes que agradam a todos os públicos, mas também ingredientes fresquinhos para fazer aquele almoço em família nessa data especial.

As feiras aparecem na pesquisa com quase 10% de procura pelo público que, como principais aquisições, visam roupas (23,5%), cosméticos (20,7%) e calçados (17,7%), que juntos totalizam 61,9% das escolhas | Foto: Paulo H. Carvalho/Agência Brasília

“São mais de 80 feiras, somando as permanentes com as eventuais, que estão sempre lotadas de pessoas que encontram o que procuram em um ambiente gostoso e com um bom preço”, destaca o secretário de Governo, José Humberto Araújo. Desde 2019, o GDF já destinou mais de R$ 23 milhões para reformas e manutenções de feiras no DF.

“É um mercado que se renova a cada dia e, à medida que a gente está fortalecendo as feiras, mais haverá vendas, ganhos e condição das pessoas tocarem a vida por meio dessa atividade, seja ela empregando ou para o seu próprio sustento”

José Humberto Araújo
secretário de Governo

“É um mercado que se renova a cada dia e, à medida que a gente está fortalecendo as feiras, mais haverá vendas, ganhos e condição das pessoas tocarem a vida por meio dessa atividade, seja ela empregando ou para o seu próprio sustento”, observa o secretário.

E, no que depender da população, não vai faltar movimento. Segundo a pesquisa realizada pelo Instituto Fecomércio-DF (IFDF) em 2023 (Comércio de Dia das Mães pode injetar cerca de 334 milhões na economia do Distrito Federal ), dos 739 consumidores entrevistados, 79% disseram estar dispostos a presentear as mães em 2024, um aumento em relação aos 73,8% marcados em 2023.

Os lojistas, por sua vez, esperam um crescimento médio de 19,4% nas vendas e o Dia das Mães pode movimentar R$ 334,5 milhões na economia do DF. Os dias preferidos para compra dos presentes mantiveram um comportamento similar ao de 2023, sendo aos finais de semana – com destaque para o sábado durante o período da tarde, que possui 34,1% das preferências.

Para todos os gostos

As feiras aparecem na pesquisa com quase 10% de procura pelo público que, como principais aquisições, visam roupas (23,5%), cosméticos (20,7%) e calçados (17,7%), que juntos totalizam 61,9% das escolhas.

Arte: Agência Brasília

A alta procura é confirmada pela feirante Laércia Holanda, 50, dona de uma loja na Feira do Guará. “A demanda mais alta aqui é de perfumes, hidratantes e também de maquiagens. Mesmo antes de abrir a loja, sempre vinha aqui com minha mãe. Nessa data, especialmente no sábado que antecede o dia das mães, é bem cheio”, reforça.

O geógrafo Bruno César dos Santos, 23, foi um dos que se adiantou para garantir o presente para a mãe. Na procura de uma sandália, ele diz ter escolhido a Feira do Guará pela variedade de opções que o lugar apresenta na área de roupas e outros itens. “Tem muitas opções, é perto de casa e também um lugar tradicional, principalmente quem mora na região. Acho que aqui eu posso encontrar algo legal para minha mãe”, ressalta.

Para quem procura presentear com flores, a Feira da Torre de TV e a Feira dos Importados são escolhas frequentes. Já para roupas, as de destaque são a Feira do Guará, a Feira de São Sebastião e a Feira de Sobradinho. Confira abaixo os horários de funcionamento e endereços de cada feira.

LEIA TAMBÉM

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever