19.5 C
Brasília
25 fev 2024 10:23


Financiamento garante obras no Sol Nascente e Drenar Taguatinga

GDF costura acordo de aproximadamente R$ 300 milhões com o Fundo Financeiro para Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata)

O Distrito Federal deu mais um passo para financiar obras importantes de infraestrutura em andamento e a começar. Nesta sexta-feira (1º), foi publicada no Diário Oficial do DF (DODF) a lei que autoriza o governo local a contratar financiamento junto ao Fundo Financeiro para Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata). Com garantias da União, o valor do crédito pode chegar a US$ 60 milhões, o equivalente a cerca de R$ 300 milhões.

Captação dos recursos será fundamental para o andamento das obras de drenagem no Sol Nascente/Pôr do Sol, segundo o secretário Ney Ferraz | Foto: Arquivo/Agência Brasília

Os recursos já têm destino certo. No Sol Nascente/Pôr do Sol, serão utilizados como contrapartida para o GDF executar e concluir todas as obras de infraestrutura em andamento. Em Taguatinga, o financiamento vai custear a obra do Drenar Taguatinga.

“Buscamos esse recurso junto ao Fonplata para garantir a continuidade do investimento nas obras de infraestrutura em andamento da região do Sol Nascente. Esse recurso também vai garantir a execução de parte do Drenar Taguatinga, importante reforço no sistema de drenagem da região”Luciano Carvalho, secretário de Obras

E a Secretaria de Obras e Infraestrutura (SODF), responsável pela gestão do crédito, ainda destinará parte do dinheiro para fortalecer a implementação da metodologia Building Information Modeling (BIM), utilizada na gestão e fiscalização de obras.

“Sabemos da dificuldade de levantar recursos para o financiamento de obras importantes. Buscamos esse recurso junto ao Fonplata para garantir a continuidade do investimento nas obras de infraestrutura em andamento da região do Sol Nascente. Esse recurso também vai garantir a execução de parte do Drenar Taguatinga, importante reforço no sistema de drenagem da região”, afirma. “Também vamos reforçar nosso parque tecnológico e ampliar a capacitação dos servidores da Secretaria de Obras na aplicação da metodologia BIM desde o projeto até a execução da obra”, complementa o secretário de Obras, Luciano Carvalho.

O empréstimo precisou ser aprovado pela Comissão de Financiamentos Externos (Cofiex), órgão do Ministério do Planejamento e Orçamento, chefiado pela ministra Simone Tebet. Depois, teve a lei aprovada na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) e agora foi sancionada pelo governador Ibaneis Rocha. A próxima etapa é a autorização do Tesouro Nacional.

Segundo o secretário de Planejamento, Orçamento e Administração, Ney Ferraz, o financiamento é essencial para o desenvolvimento do DF. “A captação desses recursos é fundamental para darmos andamento às obras de drenagem no Sol Nascente/Pôr do Sol. O governador determinou e seguimos focados na captação de recursos que estão disponíveis no mercado para financiar o desenvolvimento e infraestrutura das cidades, melhorando a vida da população”, avalia Ney Ferraz.

Projetos

Conhecido como Drenar Taguatinga, o projeto estava engavetado há mais de 10 anos, mas vai sair do papel. Ele consiste na revisão e readequação dos projetos de drenagem nas áreas de contribuição de 18 bacias de detenção.

Já o Sol Nascente tem obras em andamento nos trechos I e III, e já recebeu R$ 156 milhões em investimentos. A cidade de 95 mil habitantes tem recebido atenção perene do governo para ganhar a infraestrutura que seus moradores merecem.

 

LEIA TAMBÉM

Brasília
céu limpo
19.5 ° C
19.5 °
18.1 °
88 %
1.5kmh
0 %
dom
26 °
seg
26 °
ter
26 °
qua
27 °
qui
29 °

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever