21.5 C
Brasília
02 mar 2024 04:20


Saúde revitaliza postos do SAMUDF e otimiza serviços à população

Com estruturas adaptadas às necessidades das equipes, objetivo é melhorar condições para atendimento e agilizar socorro

Por Leyla Bilich

Os postos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) localizados na Candangolândia e no Parque da Cidade passam por intervenções para adequações do espaço às necessidades de atendimento das equipes. As melhorias, além de proporcionar melhores condições de trabalho e do serviço à população, incrementará os recursos recebidos de financiamento do governo federal para o DF.

Na base da Candangolândia, telhado, banheiros e piso foram renovados. O local também recebeu cobertura para as viaturas, instalação de pias na parte externa e reestruturação do depósito de material de limpeza. Após a revitalização, o local também funcionará como uma Unidade Básica de Saúde (UBS). Com isso, receberá recursos anuais de R$ 341.936,40, oriundos do governo federal.

Em andamento, as manutenções da unidade do Parque da Cidade incluem renovação do telhado e troca do piso e de toda a parte elétrica da unidade. Futuramente, será instalada uma cobertura para as viaturas. Todas as alterações nos postos seguem as determinações do Ministério da Saúde.

Para que o serviço prestado no local não seja interrompido, a obra é dividida em duas etapas. Na unidade do Parque da Cidade também funciona a base administrativa e de apoio de todas as viaturas que atendem o Plano Piloto e São Sebastião.

“A manutenção das bases é constante, com reparos realizados de acordo com a necessidade”, explica a diretora administrativa do complexo regulador do Samu, Roberta Portela. Ela explica, porém, que os postos da Candangolândia e do Parque da Cidade possuíam pendências burocráticas e, por isso, não receberam melhorias antes. “Essas unidades vieram há pouco tempo para a gente, não tínhamos a documentação dos imóveis, então não era possível fazer reparos”, esclarece.

O processo de cessão de uso do imóvel do Parque da Cidade, que pertence à Secretaria de Esportes do Distrito Federal, foi iniciado em 2021 e, somente agora, finalizado, passando o direito de uso para o Samu por 10 anos. Prazo que pode ser prorrogado.

A chefe do Núcleo de Atendimento Pré-Hospitalar Centro-Norte-Leste, Kelly Aguiar, enfatiza que a localização privilegiada desse posto vai melhorar o atendimento e diminuir o tempo para a chegada do socorro às vítimas. “Com a construção da cobertura para as viaturas, elas ficarão num ponto central, de fácil acesso à via. Assim, vamos poder chegar muito mais rápido na ocorrência, sem precisar passar por todo o Parque.”

Serviço

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) 192 é o principal componente da Política Nacional de Atenção às Urgências, criada em 2003, que tem como objetivo chegar rapidamente à vítima. O serviço funciona 24h e realiza atendimento de urgência e emergência em qualquer lugar.

No Distrito Federal, o Samu possui 38 ambulâncias, sendo 30 no modelo Unidade de Suporte Básico (USB), tripuladas por condutor de emergência e dois técnicos em enfermagem; e oito do tipo Unidade de Suporte Avançado (USA), com um médico, um enfermeiro e o condutor de emergência.

A população também pode contar com o helicóptero aeromédico, que presta serviço pré-hospitalar avançado, com piloto, tripulante operacional, médico e enfermeiro. O Samu também adquiriu recentemente 26 novas motocicletas, que vão substituir modelos antigos.

Posto do Samu no Parque da Cidade passa por revitalização. Local receberá cobertura para viaturas e facilitará acesso à via, agilizando saída das equipes. Foto: Sandro Araújo/Agência Saúde-DF

LEIA TAMBÉM

Brasília
nuvens dispersas
21.5 ° C
21.5 °
19.2 °
88 %
1kmh
40 %
sáb
28 °
dom
29 °
seg
24 °
ter
22 °
qua
19 °

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever