23.5 C
Brasília
25 fev 2024 01:12


Anahp divulga pesquisa inédita sobre percepção da crise na saúde suplementar

Dados, que foram coletados durante o Conahp, revelam preocupação do setor com o tema

Com recorde de público, mais de 5,3 mil pessoas puderam acompanhar de perto discussões sobre os temas mais relevantes da atualidade, abordando os desafios e perspectivas da saúde suplementar no Brasil durante o Conahp 2023, que aconteceu em São Paulo nos dias 18 e 19 de outubro. Considerado o maior congresso da saúde do país, o evento é promovido anualmente pela Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp)

Com a presença da Ministra da Saúde, Nísia Trindade; do Secretário de Atenção Especializada, Helvécio Magalhães; do diretor-presidente da ANS, Paulo Rebello; dos ex-ministros Arthur Chioro e Nelson Teich e demais autoridades e representantes das principais entidades e instituições de saúde do país, o encontro buscou debater, entre outros temas, as principais soluções e caminhos para o enfrentamento da crise que assola o setor, impactando toda a cadeia público-privada.

Em razão da relevância da temática, a Anahp lançou uma iniciativa inédita durante essa edição, realizando uma pesquisa com os participantes para medir sua percepção a respeito do cenário atual, bem como para identificar quais aspectos têm motivado a crise.

Compreendendo que a saúde vive hoje uma crise sem precedentes, 82,51% dos participantes acreditam que a solução depende de uma mudança estrutural significativa para voltar a crescer de forma sustentável.

O estudo revela, ainda, em ordem de prioridade, quais os principais responsáveis pelo cenário atual. Com maior peso foi citada a necessidade de se criar novos modelos de relação entre prestadores, operadoras, indústria e contratantes, seguido pelo crescimento dos custos assistenciais e pela falta de investimento em atenção primária e medicina preventiva. Outros pontos prioritários são a falta de um ecossistema de dados para gestão de saúde, o envelhecimento populacional e a incorporação de novas tecnologias.

Para 91,49% dos respondentes, a superação da crise acontecerá a partir de transformações profundas nas operadoras, prestadores e fornecedores, com maior envolvimento dos contratos.

Além disso, 54,62% alegam que não há outra alternativa que não seja uma reforma estruturante do setor, dados que revelam a necessidade de uma mudança nos modelos de relação entre todos os players.

No entanto, para a maior parte dos participantes, ainda há esperanças – 54,14% acreditam que a saúde brasileira já enfrentou dificuldades semelhantes no passado, o que pode fortalecer o setor neste momento, trazendo uma visão otimista para os próximos anos.

“Temos um passado a festejar, um futuro a construir e um presente a corrigir. E isso tem que ser feito com urgência, através de uma discussão democrática, pluralista, onde ninguém pode ser afastado de falar, mas todos devem ter a boa vontade de ouvir”, defende Antônio Britto, diretor-executivo da Anahp.

Sobre a Anahp

Constituída em 2001, a Anahp (Associação Nacional de Hospitais Privados) é uma entidade que representa os principais hospitais privados de excelência no país e tem uma função estratégica no cenário político e social.

Por meio de iniciativas inovadoras e modelos de excelência, a associação foi criada para promover a qualidade da assistência médico-hospitalar no Brasil e defender os interesses e as necessidades do setor.

Siga a Anahp no Instagram (@anahp.br) e no Facebook (@anahpbrasil) e acompanhe os conteúdos divulgados em seu canal no YouTube.

Depositphotos Parceiro Política Distrital

LEIA TAMBÉM

Brasília
nuvens quebradas
23.5 ° C
23.5 °
19.8 °
64 %
1kmh
75 %
dom
26 °
seg
25 °
ter
26 °
qua
27 °
qui
22 °

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir