20.5 C
Brasília
23 fev 2024 19:44


Com onda de calor, bombeiros alertam para incêndios em ar-condicionado

Aparelho é um dos grandes vilões de acidentes domésticos envolvendo instalações elétricas. Cuidados vão da fiação apropriada à manutenção e limpeza constantes

Por Josiane Borges

O aparelho de ar-condicionado é um dos principais vilões nos casos de incêndios em residências. De acordo com o Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF), se mal-instalado ou sem manutenção adequada, o equipamento pode ser responsável por acidentes domésticos.

A incompatibilidade entre a rede elétrica e a tensão do equipamento é uma das principais causas de princípio de incêndio no aparelho. “É muito comum ocorrer acidentes, principalmente no ar-condicionado, devido à sobrecarga elétrica na residência. O aparelho não deve ser instalado junto com a rede elétrica comum. É necessário fazer um circuito à parte”, recomenda o tenente do Corpo de Bombeiros e engenheiro elétrico, David Allan.

Bombeiros recomendam tomar cuidado com a instalação e com a manutenção dos ares-condicionados | Fotos: Lucio Bernardo Jr/ Agência Brasília

Verificar a voltagem e a capacidade da fiação do local de instalação é indispensável, se possível até mesmo antes da compra do equipamento. “Não tente instalar sozinho. É importante contratar um profissional qualificado com conhecimento em eletricidade ou eletrotécnica para realizar a instalação corretamente”, destaca o tenente do CBMDF.

Com o equipamento já instalado da maneira correta, outra orientação fundamental da corporação é a manutenção periódica do ar-condicionado. A falta de limpeza e da manutenção correta, além de diminuir a renovação do ar, provoca acúmulo de sujeira e pode ocasionar um incêndio.

“Fazer uma manutenção errada ou não fazer a manutenção com profissionais qualificados pode acabar gerando um incêndio também. É sempre importante observar com o fabricante o tempo de manutenção do aparelho”David Allan, tenente do CBMDF

“Fazer uma manutenção errada ou não fazer a manutenção com profissionais qualificados pode acabar gerando um incêndio também. É sempre importante observar com o fabricante o tempo de manutenção do aparelho”, completa o bombeiro.

Sinais de alerta

O Corpo de Bombeiros alerta que o principal sinal de que algo está errado é o disjuntor disparar ou desarmar, desligando sozinho a energia da casa ou do ar-condicionado. Esse é um sinal de que existe uma sobrecarga na rede elétrica, e que a instalação pode não estar benfeita.

A qualquer sinal de perigo, deve-se desligar o aparelho imediatamente e solicitar o auxílio de profissionais para aplicar os procedimentos corretivos necessários. Em caso de incêndio, o Corpo de Bombeiros recomenda a saída imediata da residência, evacuar o local e acionar a corporação através do 193.

Fique atento aos seguintes sinais que os aparelhos ou as instalações possam apresentar:

⇒ Superaquecimento do plugue ou cabos
⇒ Alteração na coloração de plugues
⇒ Cheiro de queimado no ambiente, vindo diretamente do ar-condicionado
⇒ Equipamento parando de funcionar subitamente com frequência
⇒ Sons estranhos vindo do aparelho durante o funcionamento
⇒ Cabos corroídos, frouxos ou lesionados

As principais causas de incêndios com aparelhos de ar-condicionado envolvem:

⇒ Subdimensionar o disjuntor e sua fiação
⇒ Não utilização de disjuntores na instalação do ar-condicionado
⇒ Fios desencapados e isolamento inadequado
⇒ Local com má fiação elétrica
⇒ Instalação mal-feita
⇒ Falta de manutenção

LEIA TAMBÉM

Brasília
trovoada
20.5 ° C
20.5 °
19.8 °
94 %
3.1kmh
75 %
sáb
26 °
dom
26 °
seg
27 °
ter
26 °
qua
21 °

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever