Secretaria de Justiça realiza ações educativas em parceria com o Detran-DF quarta-feira (13)

A ação tem como foco conscientizar a população sobre os perigos da combinação de álcool e direção

11
Print Friendly, PDF & Email

A Subsecretaria de Justiça e Cidadania, por meio da Subsecretaria de Enfretamento às Drogas (SUBED), juntamente com o Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF), fará uma blitz educativa no estacionamento da Funarte, às 10h, na próxima quarta-feira (13), com o objetivo de alertar sobre os riscos de combinar álcool e direção.

As ações ocorrerão entre a Torre de TV e a Funarte, durante a abordagem educativa serão oferecidas atividades culturais, palestras e panfletagem. O objetivo é reforçar os alertas quanto aos riscos do consumo de bebida alcoólica e direção, a necessidade do uso de cinto de segurança, além dos cuidados com pedestres, excesso de velocidade, uso de telefone celular na direção do veículo e condução segura para motociclistas.

“Além de educar os pais e responsáveis, esta campanha também quer trazer reflexão sobre o respeito à vida e a convivência segura no trânsito, oferecendo mais proteção às nossas crianças e adolescentes”, pontua a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani.

Publicidade

Para o diretor-geral do Detran, Zélio Maia, “essa ação conjunta é importante pois reflete a união dos dois órgãos em prol da segurança dos mais vulneráveis no trânsito. No aspecto do Detran, o pedestre e o ciclista. E a campanha visa fazer essa abordagem da dispersão e das possibilidades de riscos”.

Dados sobre as últimas ações de flagrantes de alcoolemia do Detran

• Janeiro a setembro de 2019 – 17.358 infrações
• Janeiro a setembro de 2020 – 14.569 infrações
• Janeiro a setembro de 2021 – 18.483 infrações

De acordo com um levantamento preliminar do Detran DF, de janeiro a setembro deste ano foram registradas cinco mortes de crianças e adolescentes no trânsito. O estudo considera pessoas com até 17 anos e indica uma redução de 44% nos óbitos dessa faixa etária em comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram registradas nove mortes.

Enfrentamento às Drogas

A Secretaria de Justiça atua em parceria com 11 Comunidades Terapêuticas, credenciadas pelo DF, que oferecem tratamento e atenção às pessoas que fazem o uso e abuso de drogas, atuando nos eixos de acolhimentos e reinserção social, ofertando cursos profissionalizantes gratuitos e auxílio na busca por emprego, objetivando a promoção da empregabilidade desse público e estimulando o exercício da cidadania.

No momento a Sejus conta com um total de 350 vagas, nas quais 320 estão ocupadas. Essas instituições ofertam acolhimento voluntário, em regime de residência, oferecendo cursos, tais como panificação, artesanato e horta.

A Sejus lançou neste ano o Programa Acolhe DF, que atua com atividades de prevenção, atendimento psicossocial para dependentes químicos e seus familiares. O uso abusivo de álcool, cigarros e outras drogas causam prejuízos à saúde, ao trabalho e à convivência familiar. Nessa condição, o auxílio profissional é importante,
Para acesso ao Folder do Acolhe DF  Clique AQUI – https://bit.ly/3uR1L6G

Canal de atendimento da Sejus:

ACOLHE DF
Endereço: Secretaria de Estado de Justiça e Cidadania do Distrito Federal – SEJUS
Estação Rodoferroviária de Brasília – Parque Ferroviário, Zona Industrial, Brasília -DF. CEP: 70631-900.
Telefone: (61) 2104-4216
Celular/Whatsapp: (61) 99354-1522
E-mail: acolhedf@sejus.df.gov.br

Artigo anteriorHospital da Criança de Brasília deve receber nova ala de ressonância magnética
Próximo artigoDF inicia vacinação gratuita para cães e gatos, na sexta (15)