Hospital da Região Leste reestrutura Sala Vermelha e amplia leitos

149


Print Friendly, PDF & Email

Unidade contou com manutenção predial e readequação de espaço

Por Leandro Cipriano

O contrato de manutenção predial revitalizou a estrutura de várias unidades de saúde do Distrito Federal, entre elas, o Hospital da Região Leste (HRL, antigo Hospital do Paranoá). Uma das mudanças mais significativas foi a reestruturação da Sala Vermelha, também chamada de Box de Emergência. O espaço foi readequado e ampliado, passando de quatro para sete leitos, garantindo mais assistência aos pacientes em situação grave.

Antes, a Sala Vermelha do HRL era dividida em duas salas pequenas, com dois leitos em cada uma. Com a mudança, as paredes foram retiradas para melhorar a circulação dos profissionais de saúde e pacientes. O sistema de ar-condicionado passou por manutenção e os espaços mal aproveitados foram revitalizados com pintura, reparos nas redes elétrica e hidráulica, além da readequação da bancada onde trabalham os profissionais.

Com a revitalização foi possível instalar mais pontos de gases no Box de Emergência para os novos leitos. Um deles foi criado justamente para ser o leito de isolamento, voltado aos pacientes mais graves na urgência e emergência. Todos já estão operantes na unidade.

Publicidade

“Hoje temos uma sala de isolamento para pacientes que precisam ficar afastados dos outros. Com isso, garantimos um espaço com mais capacidade e adequado para os pacientes e profissionais de saúde, melhorando a assistência à população que tem o HRL como referência”, afirmou a superintendente da Região de Saúde Leste, Raquel Bevilaqua.

Mais capacidade

De acordo com a supervisora de Enfermagem do pronto-socorro adulto do HRL, Liliane Galletti, a reestruturação do espaço físico garantiu uma capacidade maior de atendimento aos pacientes que chegam na Sala Vermelha, com a taxa média de ocupação subindo de 150% para até 225%.

“Sem dúvida nenhuma o espaço está muito melhor, atendendo a mais pessoas e superando as porcentagens de ocupação de antes. Agora há um contato muito mais eficiente entre os profissionais de saúde, o que contribui para uma assistência de qualidade”, ressaltou a supervisora.

A Sala Vermelha funciona de forma ininterrupta no Hospital da Região Leste, 24 horas. Atende a toda demanda de urgência e emergência, além das necessidades de internação de pacientes vindos de outros setores. Eles ficam no Box de Emergência até o momento que estabilizam ou precisam ser transferidos.

Fonte: Agência Saúde DF