15.5 C
Brasília
13 jul 2024 10:48


Comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas

No dia 10 de junho, a Embaixada de Portugal no Brasil celebrou em Brasília, o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas com a presença do Secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação, Nuno Sampaio e representantes de autoridades brasileiras, do corpo diplomático e da comunidade residente na capital federal

O ano de 2024 reveste uma importância maior, dado que se comemoram 500 anos do nascimento de Luís Vaz de Camões, considerado o maior poeta português, autor de Os Lusíadas, e os 50 anos da Revolução dos Cravos, em 25 de abril de 1974. Nos jardins da Embaixada aconteceu uma magnífica exibição de cavalos de raça Puro Sangue Lusitano, da
Coudelaria Rocas do Vouga, uma das mais galardoadas do Brasil, permitindo o contato com a tradicional Arte Equestre portuguesa.

Cavalos de raça Puro Sangue Lusitano – Foto: Divulgação

O cavalo lusitano: “cavalo de guerra, cavalo de rei e de corte, cavalo de toureiro, cavalo de alta escola e de trabalho no campo, cavalo de treino, de atrelagem e por vezes mesmo cavalo de obstáculos. Decididamente parece que nenhum traço de pincel, nenhum toque de cor falta ao cavalo Lusitano para completar a sua obra, um quadro tão brilhante que nenhuma outra raça consegue igualar A recepção na Embaixada de Portugal também contou com vários pavilhões de empresas portuguesas e dos seus produtos. No plano cultural, a música portuguesa e a música brasileira foram igualmente homenageadas e contou com a atuação da Orquestra Maré do Amanhã.

 

Em seu Discurso, o Embaixador Luís Faro Ramos enfatizou que “democracia e liberdade se constroem todos os dias, assumindo e praticando valores como a tolerância, o respeito e a igualdade”, sendo essa a mensagem atual da revolução dos Cravos, mas também a mensagem partilhada entre Portugal e o Brasil, que têm uma relação singular e muito densa, que se vem fortalecendo a cada dia que passa. O Embaixador Luís Faro Ramos salientou exemplos da intensidade e dinamismo da relação entre Portugal e o Brasil, como a Cimeira Bilateral e a Visita de Estado do Presidente Lula da Silva a Portugal em 2023, a
vitalidade das empresas portuguesas no Brasil e das empresas brasileiras em Portugal, as diversas celebrações culturais conjuntas, e as comunidades brasileiras em Portugal e as portuguesas no Brasil, destacando que a demanda pela cidadania e por vistos para Portugal
continua muito alta.

A organização da Festa Nacional de Portugal teve o apoio de vários patrocinadores empresariais, como a GALP, e também a EDP, a TAP AIR PORTUGAL e a EMBRAER. Sem esquecer os azeites da SOVENA-ANDORINHA e o bacalhau BOM PORTO, bem como os vinhos proporcionados por VINIPORTUGAL, CASA SANTOS LIMA, SANTA VITÓRIA VINHOS, CASA RELVAS – ALENTEJO, SABORES DE PORTUGAL – ADEGA PORTUGUESA, QUALIMPOR – VINHOS e os cafés DELTA. Conta ainda com o apoio do BANCO RENDIMENTO, SEGURANÇA ESPARTA – DINÂMICA, VFS GLOBAL, APCER, TEIXEIRA DUARTE, ECB – EMPRESA CONSTRUTORA BRASIL, SA – GRUPO MOTA ENGIL, GEOCOBA, VILA GALÉ, BEEVA e FDC VITAMINAS. Ainda valorizando o dinamismo das relações económicas entre Portugal e o Brasil, é realizado em 11 de junho um fórum empresarial, na sede da CNI – Confederação Nacional da Indústria em Brasília, em parceria com esta entidade e a Apex-Brasil que acolhe, entre outras, os principais agentes económicos que dinamizam o comércio e investimento bilateral, permitindo a partilha de conhecimento, estratégias e atividades em distintas áreas. A comemoração do Dia Nacional foi uma grande mostra do melhor que Portugal pode dar no presente ao Brasil.

LEIA TAMBÉM

PD nas redes

FãsCurtir
SeguidoresSeguir
SeguidoresSeguir
InscritosInscrever