Aposentados e pensionistas do DF podem fazer prova de vida digital em aplicativo BRB e IPREVDF

Aplicativo digital foi lançado no início de junho

Print Friendly, PDF & Email

Parceria entre o Banco de Brasília (BRB) e o Instituto de Previdência dos Servidores do Distrito Federal (IPREV-DF) permite, desde o início desse mês, que aposentados e pensionistas do Governo do Distrito Federal (GDF) realizem sua prova de vida de forma online, por meio do aplicativo Prova de Vida GDF.

Já disponível nas lojas da IOS e Android, o app chega para trazer agilidade no atendimento e comodidade ao beneficiário melhorando, assim, a experiência do cliente.

“Estamos felizes em realizar, em parceria com o IPREV-DF, mais uma importante entrega, que tem como objetivo melhorar a experiência dos beneficiários. A prova de vida digital vai permitir um atendimento rápido e seguro, sem a necessidade de deslocamento físico, fazendo, assim, a diferença na vida dos aposentados e pensionistas”, afirma o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

Publicidade

Presidente do IPREV-DF, Ney Ferraz Júnior, enfatiza que a evolução do serviço é uma determinação do governador Ibaneis Rocha e acrescenta: “Queremos facilitar a vida dos aposentados e pensionistas, mas, ao mesmo tempo, é preciso ter zelo com os recursos do erário.  É preciso ter segurança, compromisso e transparência, para que os aposentados e pensionistas continuem a receber em dia. O aplicativo Prova de Vida GDF é simples, ágil e principalmente uma ferramenta que trará mais eficiência no controle do pagamento de benefícios”.

Para realizar a prova de vida por meio digital, os aposentados precisam seguir alguns passos. O primeiro deles é baixar o aplicativo Prova de Vida GDF.

Em seguida, será necessário inserir o CPF e confirmar alguns dados.

Após essa etapa, serão solicitadas a captura do documento do beneficiário e uma foto selfie, com boa qualidade, e tirada em ambiente com boa iluminação.

Para finalizar, o usuário deve informar seu endereço, telefone celular e endereço de e-mail.

Após preencher e enviar todas as informações, os aposentados receberão e-mail com a confirmação do resultado da prova de vida.

A comprovação de vida de aposentados e pensionistas da Administração Direta, Autárquica e Fundacional do Distrito Federal é realizada pelo Banco de Brasília (BRB). Instituída pelo Decreto nº 39.276/2018, a prova de vida tem como objetivo coibir fraudes e irregularidades. Aposentados e pensionistas que deixarem de fazer a prova de vida no mês em que estiverem aniversariando serão notificados para que, no prazo de até 30 dias, apresentem a documentação exigida, sob pena de suspensão do pagamento do seu benefício.

FONTEBRB
Artigo anteriorDoença falciforme deve ser diagnosticada ainda na infância
Próximo artigoDoação de córneas em alta possibilita mais de 100 transplantes em 2022