Deputados distritais derrubam veto de reestruturação de carreiras de técnicos em enfermagem

779
Print Friendly, PDF & Email

Por Ana Paula Oliveira

Os deputados distritais derrubaram o veto de reestruturação das carreiras dos técnicos em enfermagem, na tarde dessa terça-feira (14/12). Além da votação de diversas emendas presentes na Lei de Diretrizes Orçamentária de 2022. O Sindate (Sindicato dos Técnicos e Auxiliares em Enfermagem) pressionou os parlamentares para garantir a reestruturação de carreiras dos profissionais.

Neste ano, o Sindate chegou a lançar a campanha de 25 para 18, que busca a redução do tempo de carreira do técnico em enfermagem. Segundo o sindicato, diversos cargos da Secretaria de Saúde chegam ao fim da carreira aos 18 anos, já o técnico em enfermagem tem o encerramento da carreira aos 25 anos de serviço. Com a derrubada do veto, o tempo de progressão funcional do técnico em enfermagem poderá entrar em pauta.

Publicidade

Segundo o diretor do Sindate, Newton Batista, esse momento é de extrema importância para todos os profissionais de enfermagem, mas ressalta que a luta ainda não acabou. “continuaremos conversando com outros deputados para convencê-los a derrubarem os outros vetos”, disse.

Para o deputado distrital Jorge Vianna (Podemos), a derrubada do veto é mais um passo na conquista de melhorias para a categoria. “Precisamos do apoio da categoria para pressionar os parlamentares para a derrubada dos outros vetos. Garanto que continuarei lutando pelos profissionais da saúde”, frisou o parlamentar.

Vianna apresentou emenda que altera a Lei Complementar nº 840/2011, que trata do regime jurídico dos servidores públicos do Distrito Federal. A emenda foi aprovada, e agora os servidores terão direito ao Abono de Ponto – poderão tirar licença em casos de doença na família sem ser prejudicado no pagamento do salário.

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!
Artigo anteriorIbaneis vai elevar benefício de indenização na Saúde para até R$ 1 mil
Próximo artigoIPREV: Aprovada a regulamentação da Lei da aposentadoria aos 25 anos