Funai abre seleção para contratar temporariamente 776 pessoas

Vagas serão distribuídas em três níveis: curso superior, com salários de R$ 4,4 mil, ensino médio (R$ 1,65 mil) e sem exigência (R$ 1,1 mil)

575
Print Friendly, PDF & Email

Por Nathália Cardim e Marc Arnoldi

A Fundação Nacional do Índio (Funai) abriu processo seletivo para contratação, por tempo determinado, de supervisor, chefe e agentes de proteção etnoambiental para atender necessidade temporária com atuação em barreiras sanitárias e postos de controle de acesso para prevenção da Covid-19 nos territórios indígenas.

As vagas ficarão distribuídas em três funções no órgão: agente de proteção etnoambiental (605 vagas), chefe dos agentes de proteção etnoambiental (121) e supervisor dos agentes de proteção etnoambiental (50).

Publicidade

São 776 vagas para oito estados: Roraima (RR), Acre (AC), Mato Grosso (MT), Pará (PA), Maranhão (MA), Goiás (GO), Amazonas (AM), Rondônia (RO) e três níveis: curso superior com salários de R$ 4,4 mil, ensino médio (R$ 1,65 mil) e sem exigência (R$ 1,1 mil).

Segundo o edital publicado no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (27/10), os contratados ficarão no órgão por seis meses, mas o prazo pode se estender desde que não ultrapasse 2 anos.

Os funcionários também não precisarão passar por concurso público em função da “necessidade temporária de excepcional interesse público” para o “atendimento à emergência de saúde pública”.

Confira a íntegra do edital abaixo:

2021_10_27_ASSINADO_do3-pág… by Marc Arnoldi

FONTEMetropoles
Artigo anteriorPoderoso ministro da economia com baixa governabilidade ataca ex-ministros da Fazenda
Próximo artigoAlunas de escola rural do Recanto das Emas recebem doação de absorventes