Vigilante critica exigência de trajes formais para ter acesso a atendimento no Hospital de Santa Maria

165
Print Friendly, PDF & Email

Por Kleber Karpov

O deputado distrital, Chico Vigilante (PT), criticou a proibição da entrada de pessoas com trajes informais no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), sob gestão do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde (IGESDF),

De acordo com Vigilante, uma lista que pode resultar na restrição de acesso ao HRSM inclui camiseta, short, minissaia, vestido curto, camisa regata e chinelo. O deputado denunciou que tal decisão partiu do chefe de segurança da unidade e criticou tal postura.

Publicidade

“Esse cabra deve ter saído dos quintos para atazanar a população de Santa Maria. Encaminhei ofício ao superintendente para que afaste esse cidadão e restabeleça o direito das pessoas usarem o que quiser”.

Para Vigilante, tal proibição, está “completamente fora de sintonia com a realidade do povo brasileiro” já que há pessoas sem condições financeiras de cumprir a exigência. “Se o cidadão estiver com a mãe morrendo, primeiro tem de comprar um sapato para entrar no hospital”, afirmou.

Imagem cedida ao Metrópoles

Pedidos de Desculpas

Ao ser questionado sobre a exigência da gestão do IGESDF, por parte do site de notícias, Metrópoles, em nota o Instituto pediu desculpas pelo exagero praticado por gestor do HRSM e que ordenou a retirada de cartazes que estabeleciam critérios de condicionamento de vestimentas por parte de usuários naquela unidade.

O Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF) informa que a Superintendência do Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) assim que tomou conhecimento dos cartazes imediatamente determinou a retirada, o que já foi feito.

O IGESDF pede desculpas à população e destaca que não faz parte das condutas adotadas em suas unidades fazer a restrição da entrada de seus pacientes em razão do vestuário.

VIACom informações de CLDF e Metrópoles
Artigo anteriorReforma eleitoral é promulgada; novas regras serão aplicadas nas eleições de 2022
Próximo artigoTrabalhadores de áreas rurais do DF recebem ação especial de saúde