GDF Saúde já assistiu 63 pessoas com internação por covid-19 em março

Plano de saúde realizou ainda mais de 3,2 mil atendimentos emergenciais e 202 exames diagnósticos do tipo PCR

26
Print Friendly, PDF & Email

Por Rafael Secunho

O plano de assistência suplementar à saúde dos servidores distritais, o GDF Saúde, já possibilitou a internação de 63 pessoas diagnosticadas com covid-19 em hospitais conveniados no mês de março. Só nesta segunda (22), 27 beneficiários permanecem nos leitos. Além disso, 202 exames para detecção do coronavírus (RT-PCR) – também conhecido como “teste do cotonete” – já foram realizados por beneficiários do plano de saúde.

Os números compreendem o período de 1º de dezembro de 2020 até este domingo (21/3). Por se tratar de emergência, a carência para o atendimento é de 24 horas após a adesão do servidor. O balanço mostra que, em pouco tempo, o convênio de saúde criado pelo Governo do Distrito Federal (GDF) vem auxiliando no diagnóstico e tratamento de pacientes com covid-19.

Publicidade

“Na prática, o plano está tirando pessoas do Sistema Único de Saúde (SUS) e passando para o atendimento na rede privada. Dessa forma, estamos contribuindo para abertura de centenas de leitos para o tratamento da doença”Ney Ferraz, presidente do Inas

“Na prática, o plano está tirando pessoas do Sistema Único de Saúde (SUS) e passando para o atendimento na rede privada. Dessa forma, estamos contribuindo para abertura de centenas de leitos para o tratamento da doença”, atesta o presidente do Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores do DF (Inas), Ney Ferraz.

Atualmente, 1.965 estabelecimentos aceitam o GDF Saúde, entre hospitais gerais e especializados, clínicas, laboratórios e consultórios médicos. Em quase quatro meses de atividade, o convênio tem cerca de 22 mil adesões. Mas a meta é virar o ano de 2021 com mais de 100 mil, segundo Ferraz.

“O objetivo é que em 2022 já tenhamos pelo menos 150 mil vidas utilizando o plano. A procura vem crescendo muito, em especial, por conta do momento sensível que passamos com a pandemia e as pessoas não querem ficar desassistidas”, acredita o presidente do Inas.

O GDF Saúde já bateu a marca de mais de 21 mil atendimentos em todo o Distrito Federal. Foram quase 4 mil consultas laboratoriais realizadas e 469 internações em geral até o momento (confira abaixo).

Para os servidores que quiserem aderir ao plano, o endereço é http://www.inas.df.gov.br/adesao-gdf-saude-df/. E para quem já é beneficiário e quer saber mais sobre a rede credenciada, basta clicar em: https://inas.encontreseumedico.com.br/

Números – Atendimento GDF Saúde (até 21/3):

Total de internações: 469
Urgência: 420
Eletivas: 47

Internações por complicações da covid-19 nesta segunda (22/3): 27
Em UTI: 13
Em Enfermaria: 14

✔ Atendimentos: 21.197

✔Consultas em Pronto Socorro: 3.274

✔Consultas Ambulatoriais: 3.911

✔Exames: 12.609

Exames RT-PCR (detecção covid-19): 202

Dezembro: 14
Janeiro: 32
Fevereiro: 57
Março: 99

Artigo anteriorAtestados on-line estão prorrogados no DF até o mês de junho
Próximo artigoAo vivo: Segunda Turma do STF julga parcialidade de Moro