Diretora do Sindate vai até HRC para verificar falhas no remanejamento de pacientes

57
Print Friendly, PDF & Email

Na tarde desta segunda-feira (01/03), a diretora do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem (Sindate) Elza Aparecida esteve na Superintendência do Hospital Regional da Ceilândia (HRC) para averiguar denúncias referentes ao deslocamento de pacientes realizado por Técnicos em Enfermagem.

A sindicalista pontuou que os técnicos de enfermagem da assistência são retirados dos seus postos de trabalho para realizar a remoção extra hospitalar. Ao ser questionada, a gerente de enfermagem relatou que essa situação acontece de forma esporádica. Como em situações onde é necessário remover o paciente rapidamente e faltam os profissionais específicos dessa função.

Diante desta narrativa, Elza expôs a importância de se fortalecer o Núcleo de Apoio e Remoção de Pacientes (NARP) tendo em vista que o mesmo é responsável pela deslocação intra e extra hospitalar. Aparecida também solicitou que a chefia emitisse um posicionamento sobre as mudanças que deveriam ser feitas no NARP e como resposta foi informado que a equipe técnica fará um estudo de demandas do NARP para extrair a possibilidade de um dimensionamento.

O Sindate continuará fiscalizando esta falha, a fim de que seja cumprida a legislação nº 588 do COFEN, onde prevê que a condução de cadeiras de rodas e macas não está dentro das atribuições da enfermagem, bem como, enviará o pedido de contratação dos profissionais responsáveis (padioleiros ou maqueiros) para a Secretaria de Saúde (SES-DF).