Cirurgias eletivas voltam a ser suspensas, até 15 de março, no Distrito Federal

Há exceções, mas medida é tomada para não comprometer o atendimento a pacientes com Covid-19 que precisam de intubação para ventilação mecânica

25
Print Friendly, PDF & Email

A Secretaria de Saúde decidiu suspender temporariamente, até o dia 15 de março, todas as cirurgias eletivas, exceto os procedimentos cardiovasculares, oncológicos, transplantes e judicializados.

A medida ocorre considerando a taxa de ocupação dos leitos com suporte de ventilação mecânica, que chegou a 85,27% neste domingo (28), e para não comprometer o atendimento aos pacientes com Covid-19 que necessitam de intubação para ventilação mecânica.

Leitos

A Secretaria de Saúde informa que tem atuado na mobilização de leitos com suporte de ventilação mecânica para atender pacientes com Covid-19. Na última sexta-feira (26), foram mobilizados 16 novos leitos em três hospitais e, no sábado (27), outros 20 leitos no Hospital Regional da Asa Norte.

Também há possibilidade, ao longo desta semana, de ampliação de mais 100 leitos para atender à população do Distrito Federal.