Fim da farra: IGESDF cria órgão de controle interno

Controladoria vai fiscalizar as ações dos dirigentes e colaboradores para melhorar a qualidade dos serviços prestados à saúde do Distrito Federal

334


Print Friendly, PDF & Email

O Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges/DF já dispõe de um órgão de controle interno para vistoriar, auditar, garantir a eficiência e dar transparência às ações administrativas da nova gestão da instituição.

“Hoje, há muita a facilidade em fazer críticas, destacar os aspectos negativos da saúde no Distrito Federal. Por isso, nosso desafio é dar respostas com uma gestão de qualidade”, afirmou o presidente do Iges/DF, Paulo Ricardo Silva, ressaltando que respostas já estão sendo dadas. A primeira delas foi constituir uma nova diretoria e contratar novos colaboradores. Outra ação foi criar a Controladoria Interna da instituição, que começou a funcionar na última sexta-feira (16).

Paulo Ricardo disse ainda que os novos dirigentes e colaboradores devem buscar e apresentar os resultados positivos da instituição, mesmo diante de cenários negativos. Como exemplo, lembrou que, em meio à pandemia, o instituto “foi muito demandado, mas nós demos as respostas necessárias”.

Publicidade

Código de conduta

A Gerência Geral de Pessoas informou que está sendo elaborado o novo Código de Conduta do Iges/DF, uma espécie de guia de ética que vai orientar o comportamento dos cerca de nove mil colaboradores do instituto.

O guia vai enfatizar a adoção de comportamentos que valorizem ainda mais preceitos sobre ética, transparência, eficiência e a correta utilização dos recursos públicos. O instituto é uma instituição autônoma, que recebe verbas públicas para prestar serviços sociais à Secretaria de Saúde do DF.

O programa “Integração do Novo Colaborador” foi realizado para prestar informações sobre o modelo de gestão das unidades da Secretaria de Saúde administradas pelo Iges/DF: o Hospital de Base, o Hospital Regional de Santa Maria e as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Sobradinho, São Sebastião, Samambaia, Núcleo Bandeirante, Ceilândia e Recanto das Emas.

Além do presidente, participaram também do evento o chefe de gabinete, Washington Soares; os diretores Gislei Morais de Oliveira (Planejamento), Emanuela Ferraz (Inovação, Ensino e Pesquisa), Níbia Almeida (Jurídico) e o superintendente de Inovação Ensino e Pesquisa, Denilson Campello.