Morre ex-deputado federal Ricardo Noronha, ícone do jornalismo do DF

Governador do DF divulgou nota oficial em que lamentou o falecimento e lembrou a importância do jornalista

1963
Print Friendly, PDF & Email

Por Kleber Karpov

Morreu, nesta sexta-feira (9/Out), o jornalista, radialista, publicitário e ex-deputado federal, Ricardo Noronha, aos 64 anos. Noronha sucumbiu a um um câncer no intestino, contra o qual lutou por oito anos e deixa esposa e dois filhos.

Na carreira política, Noronha exerceu, enquanto suplente, o mandato de deputado federal na legislatura 1999/2003, de 23 de fevereiro de 1999 a 14 de fevereiro de 2000, e de 17 de fevereiro a 4 de abril de 2000.

Fora do mandato, Noronha ficou conhecido, dentre outras atividades jornalísticas, por comandar o programa de auditório, ‘Ricardo Noronha Show’, até 5 de junho de 2016, ocasião em que alterou o formato de apresentação em auditório para jornalístico, SOS Brasília. Um dos motes adotados por Noronha, era colocar “o dedo na ferida”, de modo a cobrir fatos e acontecimentos relevantes do Distrito Federal, além de cobrar providências aos poderes constituídos, a resoluções de demandas da cidade.

Tanto que a primeira edição do SOS Brasília, Noronha convidou o editor de Política Distrital (PD), Kleber Karpov, para realizar participação especial nas reportagens veiculadas que abordavam, entre outros temas, a Saúde Pública do DF, principal segmentação d cobertura jornalística realizada por PD.

 

Ativismo político

Voz expressiva, no meio político do DF, e contra a corrupção, Noronha fundou em março de 2015, o Movimento Limpa Brasil (MLB), responsável por manifestações realizadas em Brasília, de março de 2015 à maio de 2016, data em que ocorreu o impeachment da então presidente da República, Dilma Rousseff (PT).

Bloco Carnavalesco

Noronha também foi um dos fundadores, juntamente com o ex-presidente da Associação Comercial do DF (ACDF), Cléber Pires, do bloco carnavalesco Bafafá, criado para animar aumentar a animação do carnaval de rua de Brasília.

Desafio esse, conduzido com sucesso, com um diferencial. O bloco foi 100% financiado pela iniciativa privada, sem utilizar um único centavo de recursos públicos. Algo que Noronha fazia questão de enfatizar e rendeu a adoção do slogan do bloco carnavalesco “Folia sem dinheiro público”.

Bafafá

O nome do bloco, deu origem, em 30 de agosto de 2019, a Associação Recreativa e Cultural Bafafá Entre Amigos (ARCBEA), consolidação de um movimento com a finalidade de dar continuidade do Bloco Bafafá, promover encontros de happy hour, já tradicionais no DF, promoção de eventos culturais, de lazer, recreativos, além da realização de encontros, seminários e outras atividades socioculturais, educacionais e recreativas.

Nota Oficial do GDF

Ao tomar conhecimento da morte de Noronha, o governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), divulgou nota oficial em que lamentou o falecimento e lembrou a importância do jornalista e comunicador para o Distrito Federal.

GDF divulga nota oficial

Sexta-feira, 9 de outubro de 2020

O Distrito Federal fica mais pobre hoje com a morte do jornalista e ex-deputado federal Ricardo Noronha. Comunicador querido por todas as classes sociais, foi presente na televisão, rádio e ultimamente nas redes sociais com um jeito único de informar e entreter, o que lhe rendeu uma legião de amigos e fãs. Sua morte interrompe uma carreira repleta de êxitos. Que Deus conforte seus familiares nesta hora de dor, mas faço votos que as lembranças alegres que ele espalhou pela vida permaneçam vivas na memória de todos.

Ibaneis Rocha
Governador do Distrito Federal