DF ganha reforço de 300 novos bombeiros militares

Os profissionais já estão atuando em rotinas operacionais nos grupamentos multiemprego ou especializados, como busca e salvamento

67
Print Friendly, PDF & Email

Agência Brasília *

A partir desta semana, o Distrito Federal passa a contar com o reforço de mais 300 bombeiros. Após 12 meses de curso de formação, os novos militares já integram o quadro do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF).

Os militares foram inseridos em rotinas operacionais e estão atuando como reforço nos grupamentos multiemprego ou especializados. Além disso, estão realizando manutenção de viaturas, equipamentos e aeronaves.

“A recomposição do efetivo é um benefício para todos. Agora, os protocolos operacionais podem ser otimizados, o que torna ainda mais eficiente o atendimento da corporação – que já presta excelente serviços à sociedade”, comemorou o secretário de Segurança Pública, delegado Anderson Torres.

O Curso de Formação de Praças (CFP) terminou no último dia 30 de julho. Por conta da pandemia, o curso foi interrompido em março. Para dar continuidade à capacitação, protocolos de segurança e higiene foram adotados para garantir o mais alto padrão de segurança para o retorno das aulas. Em abril o curso foi retomado.

Os militares receberam instruções nas unidades da corporação, como o Centro de Treinamento Operacional (Cetop), Centro De Capacitação Física (CECAF), Grupamento de Atendimento Pré-hospitalar (GAEPH), Grupamento de Busca e Salvamento (GBSal), Grupamento de Proteção Ambiental (GPRAM), Grupamento de Aviação Operacional (Gavop), Centro De Manutenção De Equipamentos e Viaturas (Cemev), Grupamentos de Bombeiro Militar em todo o Distrito Federal, tendo como sede o Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças (Cefap).

Além das instruções previstas no currículo, o CFP realizou ações sociais, como arrecadação de alimentos e brinquedos que foram entregues para comunidades em situação de vulnerabilidade. Eles também realizaram campanhas de doações de sangue voluntárias.

A chefe do centro de Comunicação Social do CBMDF, tenente-coronel Daniela Ferreira, destaca a importância dos novos militares na corporação. “A instituição robustece sua tropa com a finalidade principal de cumprir a missão de proteger vidas, patrimônio e meio ambiente”, ressalta.

Fonte: Agência Brasília