GDF reforça linha de frente no combate à Covid-19

Secretaria de Saúde remaneja servidores de ambulatórios e policlínicas para prontos-socorros, enfermarias e outras áreas de maior demanda

265
Print Friendly, PDF & Email

Agência Brasília *

As ações de combate à Covid-19 no Distrito Federal ganharam reforços importantes na linha de frente. A Secretaria de Saúde (SES) tem remanejado profissionais de ambulatórios e policlínicas para as equipes nos prontos-socorros, enfermarias e outras áreas de grande demanda nos hospitais e unidades básicas de saúde (UBSs), conforme a necessidade de cada região.

A medida ocorre de forma excepcional e temporária, no âmbito de toda a Secretaria, com o objetivo primordial de salvar vidas. Os gestores da Saúde asseguram: nenhuma das unidades que remanejaram profissionais precisou ou precisará ser fechada. “O que estamos fazendo é para preservar vidas de quem está em situação aguda e urgente”, explica o Subsecretário de Atenção Integral à Saúde, Gustavo Bernardes.

A redução na procura por ambulatórios e policlínicas por parte da população foi de 47% durante a pandemia. Conforme a necessidade, os profissionais estão sendo realocados.

Os atendimentos oncológicos e cardiovasculares seguem normalmente. E, apesar da suspensão das cirurgias eletivas, forças-tarefas de cirurgias de outras especialidades também estão sendo realizadas em pacientes internados, reduzindo o tempo de hospitalização.

Fonte: Agência Brasília