Servidores reclamam de falta de EPIs no hospital de Taguatinga, mas Secretaria nega

Secretaria de Saúde refuta versão e apresenta site com estoques de EPIS

Print Friendly, PDF & Email

Por Kleber Karpov

Servidores do Hospital Regional de Taguatinga (HRT), acionaram Política Distrital (PD), para reclamar a falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs). Os profissionais de saúde alertam para o risco de contaminação do coronavírus (Covid-19). No entanto, a Secretaria de Estado de Saúde do DF (SES-DF), nega haver desabastecimento na unidade.

Segundo, uma servidora, sob sigilo de identidade, “Não temos EPIs pra trabalhar. Sem luvas, sem capotes. Estamos com 2 enfermarias com paciente covid-19 positivo. A Secretaria está colocando os funcionários a deriva. Muitos estão morrendo e se contaminando. Estamos sem saber o que fazer. Não sei mais a quem recorrer.”, disse.

Publicidade

Secretaria nega desabastecimento

Em contato com a SES-DF, por meio da assessoria de Comunicação, a Pasta refutou a denúncia. Segundo a Secretaria, existe uma distribuição centralizada, que realiz estudo de uso dos itens e encaminha estoques de materiais às unidades de saúde, periodicamente.

“A Secretaria de Saúde informa que não há falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) na rede. A distribuição é centralizada pela subsecretaria de Logística que realiza um estudo de uso dos itens em cada unidade hospitalar, encaminhando o necessário para cada local durante um período. Essa estratégia foi adotada como medida de uso racional, diante da escassez dos produtos para compra no mercado mundial desde que foi decretada a pandemia. Dentro de cada hospital, os gestores locais é que definem a forma de distribuição dos EPIs. Sempre que há necessidade de reposição de qualquer EPI na unidade, o gestor local faz o pedido e é prontamente atendido.”.

A SES-DF, apontou ainda a possibilidade de acompanhar os estoques de EPIs da Secretaria, por meio do endereço. https://salasit.saude.df.gov.br/estoque-de-epis/. Segundo a pasta, os dados são atualizados diariamente.

Estoque

De acordo com o site da SES-DF, os estoques de luvas de procedimento, não estéril, nos tamanhos P, M e G, somam cerca de 1.58 milhões de unidades. Quanto aos capotes, 2.295 peças (M e G).

Estoque de EPIS da Secretaria de Saúde do DF – Fonte: SES-DF

Porém, imagens enviadas ao PD, demonstram que na cardiologia do HRT, por exemplo, não há estoque de capotes.

Artigo anteriorSobe para 1.339 número de mortes por Covid-19 no DF
Próximo artigoEmpresas inadimplentes não serão excluídas do Simples em 2020