Ibaneis indica Emanuela Ferraz para cargo de vice-presidente do IGESDF

A psicóloga já integra os quadros do instituto como superintendente operacional de atenção pré-hospitalar. Ela é mulher do titular do Iprev

740
Print Friendly, PDF & Email

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), indicou, nesta sexta-feira (12/06), Emanuela Dourado Rebelo Ferraz (foto em destaque) para ser diretora-vice-presidente do Instituto de Gestão Estratégica do DF (Iges-DF).

A gestora já integra os quadros do órgão como superintendente operacional de atenção pré-hospitalar, responsável pelas unidades de pronto atendimento (UPAs). Ela é mulher do presidente do Instituto de Previdência dos Servidores do DF (Iprev-DF), Ney Ferraz.

Emanuela é psicóloga formada pelo Centro Universitário Santo Agostinho, no Piauí, e tem mestrado em saúde mental pela Universidade de Fortaleza (Unifor).

O cargo estava vago desde março de 2020, quando o então diretor-vice-presidente do Iges-DF, Sérgio Costa, assumiu interinamente a presidência do órgão. A mudança ocorreu porque o chefe do instituto à época, Francisco Araújo, se tornou secretário de Saúde do DF.

A indicação de Ibaneis é direcionada ao secretário de Saúde, que também é presidente do Conselho de Administração do Iges-DF. O nome de Emanuela será submetido ao colegiado, que precisa aprová-lo.

Antes de assumir o atual cargo de superintendente operacional, Emanuela atuou como assessora de atenção pré-hospitalar do Iges-DF. “Melhoramos todas as UPAs com aparelhagem e a gestão de recursos humanos. Fui para o cargo de superintendente operacional e participei do projeto das novas UPAs. Agora, recebi esse convite”, disse à coluna Grande Angular, do Metrópoles.

Atualmente, Emanuela tem salário-base de R$ 24,8 mil, de acordo com o site do Iges-DF. A remuneração do cargo de diretor-vice-presidente é de R$ 26,9 mil.

O Iges-DF faz a gestão do Hospital de Base, Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) e das UPAs.

Confira o ofício:

Fonte: Metrópoles