MPDFT e PCDF fazem busca e apreensão contra suspeitos de ameaça a juízes e promotores

41
Print Friendly, PDF & Email

Duas pessoas foram presas em flagrante por falsificação de selo público

A Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos – DRCC e o Núcleo Especial de Combate aos Crimes Cibernéticos (Ncyber) do MPDFT cumpriram um mandado de busca de apreensão para apuração de ameaças feitas por e-mail contra diversas autoridades públicas dos poderes Judiciário, Legislativo e Executivo. A operação atende a iniciativa do Ministério Público que havia pedido, ontem mesmo, a instauração de inquérito para apuração do crime.

As buscas foram realizadas na manhã desta quinta-feira, dia 21, e resultaram na prisão de duas pessoas por flagrante de crime de utilização indevida de selo ou sinal verdadeiro em prejuízo de outrem ou em proveito próprio ou alheio. A pena é de dois a seis anos de reclusão, e multa

O Ncyber tomou conhecimento de que membros do MPDFT e do TJDFT receberam correspondências eletrônicas em que o remetente profere ameaças e incita a prática de crimes contra agentes públicos. A mensagem também cita autoridades federais e ministros dos Tribunais Superiores. A Assessoria de Segurança Institucional do MPDFT também participou da operação e apura o recebimento de ameaças nos e-mails institucionais de várias promotorias de Justiça.

Fonte: MPDFT