SEJUS publica edital de chamamento para hotéis do DF abrigarem idosos

71
Print Friendly, PDF & Email

Foi publicado nesta segunda-feira (27/04) no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) o Edital de Chamamento nº 3/2020, da Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), destinado a nova pesquisa pública de preços para a prestação de serviços de hospedagem às pessoas com mais de 60 anos do DF durante a pandemia da Covid-19. Os primeiros hóspedes, que vivem em moradias inadequadas ao isolamento social, já estão no Brasília Palace Hotel onde começaram a chegar na última quarta-feira (24/04).

Este é o segundo chamamento para os hotéis se aliarem à ação do GDF, coordenada pela Sejus. Na primeira chamada, houve a adesão do Brasília Palace Hotel. Já são 800 os inscritos no processo de seleção. A secretária da Sejus, Marcela Passamani comunicou, na semana passada, que novo chamamento público seria feito aos hotéis para a ampliação das vagas nesse momento em que esta população precisa de isolamento social. “Estamos muito felizes com o resultado desta iniciativa. Nossas equipes continuam fazendo as triagens para a seleção dessas pessoas e são muitos idosos que ainda aguardam pela oportunidade”, disse a secretária da Sejus.

Edital

O chamamento prevê a prestação de serviços de hospedagem pelo período de três meses, podendo ser prorrogado por igual período, incluindo fornecimento de refeição (café da manhã, almoço, lanche e jantar), em quartos preferencialmente duplos, para grupos de no mínimo 100 (cem) e de no máximo 300 (trezentas) pessoas, com idade igual ou superior a 60 anos, de ambos os sexos.

Os hotéis interessados deverão encaminhar a proposta a partir de hoje (27/04) até a próxima quarta-feira (29/04) para o e-mail: chamamento.hoteis@sejus.df.gov.br. Em caso de contratação, as empresas selecionadas poderão iniciar a hospedagem em até 72 horas, contados a partir da assinatura do contrato.

Mais informações no Edital de Chamamento nº03/2020.

Projeto

A ação Hotelaria Solidária faz parte do programa “Sua Vida Vale Muito”, desenvolvido pela Sejus para proteger a população idosa da Covid-19.

O DF tem 14 mil idosos com moradia inadequada, identificados em levantamento feito pela Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan) a pedido da Sejus. São idosos que vivem sem condições de isolamento social dentro da própria casa.

O objetivo é oferecer estratégias efetivas de distanciamento social para este público, considerado o mais vulnerável nesta pandemia do coronavírus.

Fonte: Ascom Sejus