Projeto de Lei prevê a prorrogação de dívidas no BRB

O projeto, de autoria do deputado Hermeto, visa diminuir os impactos causados pelo Coronavírus aos clientes do Banco Regional de Brasília

337


Print Friendly, PDF & Email

Desde o dia 12 de março deste ano, o governo do Distrito Federal (GDF) tem apresentado por meio de decretos, medidas a fim de diminuir a transmissão do Covid-19, como o fechamento do comércio e o impacto econômico aos empresários, empregados e população em geral pode ser devastador.

Pensando nisso, o deputado distrital Hermeto (MDB) protocolou esta semana o Projeto de Lei n° 1105/2020, que dispõe sobre medidas de redução dos efeitos do Covid-19 para clientes do Banco Regional de Brasília – BRB, e dá outras providências.

O documento prevê a prorrogação de dívidas, a abertura de linhas especiais de crédito subsidiadas, atendimento ao público mais vulnerável e atendimento remoto via canais digitais e telefônicos.

Publicidade

“A renda de muitas pessoas diminuiu por causa da pandemia do novo coronavírus. Entendo a importância do isolamento social no momento, por isso é muito importante pensar em como essas famílias vão se manter dentro de casa.

Com as propostas deste PL, os clientes terão alternativas para amenizar os efeitos que podem sofrer com a pandemia”, afirma Hermeto. Se o projeto for aprovado, os clientes do BRB só pagarão os valores de seguro das operações e a taxa de administração.

Outras medidas tomadas pelo deputado distrital Hermeto para diminuir os impactos do Covid-19

• Destinou 1 milhão de reais à Saúde para ações voltadas ao combate do Covid-19
• Solicitou ao GDF que suspendesse os cortes de água e de luz junto à Caesb e a CEB
• Elaborou oficio pedindo atenção à prevenção dos policiais e bombeiros militares do DF
• Criou um Projeto de Lei que solicita a fabricação prioritária de insumos essenciais no combate ao vírus pelas fábricas sociais
• Propôs a utilização de hotéis para aumentar a capacidade de leitos dos infectados
• Destinou emenda para que as mensalidades das faculdades particulares pudessem diminuir as mensalidades durante a pandemia

Fonte: Ascom deputado Hermeto