Secretaria de Saúde realiza licitação para empresa atuar na Central de regulação médica do SAMU-DF

299


Print Friendly, PDF & Email

Pasta busca identificar para tomar medidas cabíveis, responsáveis por lentidão em processo de licitação que deveria ter ocorrido

Por Kleber Karpov

A Secretaria de Estado de Saúde do DF, anunciou nesta quarta-feira (6/Nov), a retomada de processo licitatório para contratação de empresa especializada em serviços de comunicação para a Central de Regulação Médica de Urgência, que integra a estrutura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

De acordo com a SES-DF, a realização do certame licitatório deve por fim do uso de verba indenizatória para remunerar o serviço prestado. Medida essa, que vai acabar com as sucessivas renovações contratuais com a atual prestadora de serviço, uma vez que houve tempo suficiente para a realização de licitação, com a participação de outras empresas interessadas, com ampla concorrência.

Auditoria

Publicidade

A SES-DF informou ainda que deu início a uma auditoria, para apurar o motivo da lentidão do processo licitatório, além de mobilizar áreas técnicas da secretaria, responsáveis por adotar medidas cabíveis em relação a morosidade.

A pasta também solicitou a realização de levantamento para fins comparativos, de modo a tentar identificar se os valores, ora pagos pela SES-DF, à empresa atua na central de regulação do SAMU-DF, condizem com os praticados pelo mercado.