Terceirizados demitidos da SLU serão recontratados pelo GDF

90


Print Friendly, PDF & Email

Anúncio foi feito diretamente pelo governador Ibaneis Rocha a trabalhadores no início da tarde desta sexta-feira (25)

Setecentos trabalhadores terceirizados do Serviço de Limpeza Urbana (SLU) demitidos pelas empresas que assumiram a gestão do lixo em Brasília serão recontratados pelo Governo do Distrito Federal (GDF). A decisão de dar uma nova função aos ex-funcionários foi anunciada a centenas deles, pessoalmente, pelo governador Ibaneis Rocha, no início da tarde desta sexta-feira (25).

Horas depois da solenidade de nomeação dos 50 aprovados em concurso do SLU, no Palácio do Buriti, o governador desceu ao Salão Branco onde anunciou a contratação. Dos 700 garis dispensados no início de outubro – quando os novos contratos de prestação dos serviços de limpeza da cidade foram iniciados –, 100 já reassumiram suas funções, enquanto 400 serão recontratados pelas novas gestoras. Os outros duzentos, segundo Ibaneis, serão realocados em outros órgãos do GDF ainda no período em que estiverem recebendo o seguro desemprego.

Segundo ele, ao planejar economia dos gastos públicos e a aplicação das novas tecnologias na limpeza e coleta de lixo no DF, o destino dos trabalhadores acabou não sendo pensado – o que será revertido. “Eu sei o trabalho humilde que vocês fazem e, por meio deles, sustentam suas famílias. Por isso, é a nossa garantia de que ninguém desse grupo vai ficar desempregado.”

Comoção
A notícia foi recebida com comoção pelas centenas de garis que estavam no Palácio do Planalto. Emocionada, a gari Silvania Maria Costa da Silva, de 48 anos e moradora do Itapoã, contava com o salário de R$ 1,1 mil para sustentar a casa com três filhos.

Publicidade

Com o marido desemprego, a família ficou sem renda depois da sua demissão. “Eu estou muito feliz. Graças a Deus isso será solucionado”, disse, abraçada a outros colegas que também choravam com o anúncio da recontratação.

Fonte: Agência Brasília