Exclusivo: BRB assume premiação em dinheiro do Festival de Cinema de Brasília

200


Print Friendly, PDF & Email

Troféu Câmara se transforma em Amostra Brasília BRB

Por Kleber Karpov

Após o anúncio da Câmara Legislativa do DF (CLDF), do cancelamento da destinação de verba, para premiação dos vencedores do Troféu Câmara, na 52ª edição do Festival de Brasília do Cinema Brasileiro, o Banco Regional de Brasília (BRB), deve assumir a continuidade da premiação. O festival ocorre, tradicionalmente, entre 22 de novembro e 1º de dezembro e o anúncio da ‘boa nova’ pelo GDF, agora sob o nome ‘Amostra Brasília BRB’ deve ocorrer, formalmente, no dia 10 de setembro.

A informação foi divulgada pelo secretario de Estado de Cultura do DF (SECULT), Adão Cândido, na CLDF (5/Set), durante audiência pública da Comissão de Educação, Saúde e Cultura (CESC), que debateu o Plano Plurianual da Cultura, 2019-2023, em sessão presidida pelo deputado distrital, Jorge Vianna (Podemos).

Adão Cândido, Secretário de Cultura durante audiência Pública na CESC/CLDF para debater PPA 2019/2023 – Foto: Wilter Moreira

Após o anúncio de cancelamento pela CLDF, o próprio Adão Cândido chegou a se reunir com a equipe do festival (22/Ago), ocasião em que confirmou a manutenção do festival. Mas naquela ocasião, a premiação em dinheiro, permaneceu indefinida. Impasse esse, de acordo com a revelação do secretário de Cultura, resolvido.

Publicidade

Amostra Brasília BRB

Ao explicar a impossibilidade de o GDF utilizar recursos do BRB para o custeio da Cultura, dado a restrições previstas em lei federal. Cândido, mencionou o sucesso da gestão do Banco por Paulo Henrique Rodrigues Costa, que gerou um superávit, de R$ 69 milhões, que permitiu ao banco, custear as premiações.

“A administração tem sido muito exitosa, do Paulo [presidente do BRB] nós tivemos superávits constantes, agora um superávit gigante de R$ 69 milhões, e e ele vai fazer a Amostra Brasília BRB. Então a amostra que a Câmara [Legislativa] não conseguiu fazer por ter um aperto orçamentário, mas que é muito importante para a comunidade do DF, vai ser feito com dinheiro incentivado do Banco Regional de Brasília. E nós vamos fazer o anúncio formal, no dia 10, então vai ter o festival de cinema que está mantido com dinheiro do BRB.”, afirmou Cândido, sob aplausos da comunide cultural do DF, presente na audiência pública.

Confira a audiência pública