Celina Leão e Julio Cesar apresentam emendas em defesa dos bombeiros militares do DF

215
Bombeiros
Bombeiros


Print Friendly, PDF & Email

Dispensa de idade máxima para quadros com formação superior, promoção de subtenentes por critério de antiguidade estão entre as proposições que seguem para apreciação do Senado Federal

Por Kleber Karpov

Em um acordo entre partidos, os deputados federais aprovaram três emendas sobre critérios para contratação e promoção no Corpo de Bombeiros Militar do DF (CBMDF) bombeiros militares do DF. Embora administrada pelo GDF, o custeio do pagamento de pessoal da corporação é mantido pela União, com recursos do Fundo Constitucional do DF (FCDF).

Em duas emendas apresentadas pela deputada federal, Celina Leão (PP-DF), a corporação, da ativa, Corpo de Bombeiros pode ser dispensada da exigência de idade máxima de 35 anos para o ingresso em quadros que exijam formação superior, com titulação específica, e de 28 anos, nos demais quadros dos bombeiros.

Outra emenda da parlamentar, retorna o sistema de promoção de subtenentes, ao posto de segundo-tenente, apenas ao critério de antiguidade. Celina Leão, sustenta que a realização de processos seletivos, questionamentos administrativos e até mesmo a judicialização estagnaram tais promoções.

Publicidade

Em tempo

Emenda do deputado federal, Julio Cesar (PRB-DF), também exclui dispositivo da Lei 12.086/2009, que limita o ingresso anual ao quadro do CBMDF, a quantitatido especificado na referida Lei.

Com informações de Agência Câmara