Principal obra de Rollemberg Fede!

87


Print Friendly, PDF & Email

Governador investe cerca de 11 milhões em obra que será interditada por colocar em risco à Saúde Pública

Por Kleber Karpov

A ineficiência e falta de gestão no governo de Brasília se tornou algo rotineiro. Não bastasse isso, diariamente o governador Rollemberg dedica – se a promover ações irresponsáveis que certificam, ainda mais, sua falta de competência.

Esta semana o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) pediu a interdição do parque Deck Sul. O espaço inaugurado recentemente fica localizado às margens do Lago Paranoá e foi criado para ser mais uma área de lazer para a população do DF.

O problema é que a água do Lago que está na região, de acordo com o MPDFT apresenta bactéria causadora da cólera. A presença dos germes causa riscos à saúde de quem entra em contato com a água, podendo levar à morte.

Publicidade

Mas não é só isso. Outro problema que está trazendo riscos aos usuários e à vegetação é a existência de uma estação de tratamento de esgoto que fica há poucos metros do local. Além do mau cheiro que infesta o parque, a proximidade com a estação expõe aos freqüentadores uma estrutura mal conservada e com riscos de erosão.

Devido à negligência do governo, que não cumpriu as condições essenciais para a proteção ambiental na área do Deck Sul, boa parte do parque se tornará inutilizável. Um prejuízo enorme para a população e também para o estado já que o projeto custou aproximadamente R$ 11.000.000,00 aos cofres públicos.