Gestão compartilhada da saúde com OS’s é tema no SindMédico TV

69


Print Friendly, PDF & Email

Programa é exibido toda terça-feira, ao vivo, às 20h, pela internet

Da Redação

Procuradora-Geral do Ministério Público de Contas do Distrito Federal, Cláudia Fernanda Pereira, foi entrevistada pelo SindMédico TV, no dia 19 de julho. Falou sobre as Organizações Sociais e os trabalhos desenvolvidos pelo órgão, responsável por fiscalizar leis, contas públicas, contratos e licitações do controle externo.

Sobre as três OS’s que passaram pelo DF, Instituto Candango de Solidariedade, Fundação Zerbini e Real Sociedade Espanhola, destacou as fraudes graves detectadas nos contratos, como casos de mão de obra classificada nas fichas admissionais como “cabo eleitoral do governador”, contratações sem licitação e outras falcatruas.

Publicidade

“Nossa experiência foi desastrosa no Distrito Federal”, destacou Dra. Cláudia Fernanda.

Com apresentação de Valdir Borges, o segundo bloco do programa contou com a participação do Presidente do SindMédico, Dr. Gutemberg Fialho, que continuou a falar sobre as OS’s. Comentou sobre o fato da Câmara Legislativa do Distrito Federal cancelar o recesso para continuar as atividades da CPI da Saúde.

“A Câmara deu uma demonstração de que está em consonância com o que pensa a sociedade, seus eleitores. Nós queremos que as coisas sejam apuradas.”, apoiou Dr. Gutemberg.

Para o presidente do sindicato, muitos óbitos na saúde pública poderiam ser evitados e as denúncias de corrupção devem ser investigadas. “[Governo] Não tem dinheiro para fazer hemodiálise, comprar agasalhos para pacientes psiquiátricos e estão roubando?”.

Campanha “A gente se importa”
Presidente e vice do SindMédico-DF, Gutemberg Fialho e Carlos Fernando, entregaram no dia 13 de julho os donativos aos pacientes psiquiátricos do Hospital São Vicente de Paulo, em Taguatinga.

“Ações como essa devem ser repetidas para que a sociedade civil e a sociedade organizada façam o papel do Estado, que não é o ideal, mas já que o Estado está se mostrando ineficaz nós temos que tentar ajudar e dar conforto a quem precisa, dentro das nossas possibilidades e dentro dos nossos recursos.”, comentou Dr. Gutemberg ao SindMédico TV.

O projeto continua. As doações de roupas de frio, como agasalhos, meias, cobertores, luvas, cachecóis e calçados são entregues na sede do sindicato, no SGAS 607, Cobertura 01, mais informações no telefone (61) 3244-1998. Os próximos beneficiados serão pacientes do Hospital Regional da Asa Sul.

[fbvideo link=”https://www.facebook.com/Sindmedico/videos/vb.398899080227563/967706720013460/?type=2&theater” width=”500″ height=”400″ onlyvideo=”1″]