Saúde do DF aguarda liberação para convocar concursados e segura concessão das 40 horas

85


Print Friendly, PDF & Email

Número é relativo a nomeações tornadas sem efeito das últimas convocações

Por Kleber Karpov

Ansiosos com a promessa da Secretaria de Estado de Saúde do DF (SES-DF) de fazer novas convocações, profissionais concursados procuraram Política Distrital para saber quando devem ser chamados. A SES-DF afirma ter apresentado projeto que reduz o banco de horas extras, o que deve gerar uma economia mensal para a Pasta de R$ 4 milhões. Com isso, a intenção da Secretaria é fazer nomeações de novos servidores e fazer concessões de ampliação de jornada de 40 horas.

Porém, a demora por parte da Governança que é composta por representantes da Casa Civil e e as secretarias de estado de Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) e de Fazenda (Sefaz), tem tirado o sono dos concursados da Saúde.

Política Distrital acionou a SES-DF para questionar quando devem ocorrer novas nomeações e, por meio da Assessoria de Comunicação (Ascom), a Secretaria informou que “foi encaminhada para avaliação da Secretaria de Planejamento o pedido de nomeação para 140 servidores que tiveram publicação tornada sem efeito.”.

Sem definir data, a SES-DF informou ainda que aguarda um posicionamento da Seplag para poder dar encaminhamento às novas convocações.

Publicidade

Renovação de concurso

Em outra apuração realizada por Política Distrital (19/Mai), a Secretaria chegou a explicar que o colegiado da SES-DF prorrogou para 2018 a validade dos concursos que deveriam encerrar em dezembro desse ano, para beneficiar cerca de 50 mil profissionais que aguardam nomeação.

“A medida, além de atender a um pleito antigo das categorias, vai economizar recursos públicos, uma vez que não haverá necessidade da realização de novos concursos públicos neste momento. Havendo disponibilidade financeira, os profissionais aprovados poderão ser chamados pela ordem de classificação.”.

40 horas

Na mesma ocasião, também questionada pelo Blog sobre a concessão das 40 horas aos servidores do quadro, a SES-DF informou que “a pasta informa que não há previsão de concessão de ampliação de carga horária para os servidores.”.