Organização Social contrata: Brincadeira de mau gosto ou ação orquestrada?

110


Print Friendly, PDF & Email

Por Kleber Karpov

12666540_10205009454068497_860150975_nUma mensagem, que circula em grupos do aplicativo Whatsapp foi denunciada ao Política Distrital, chama atenção pela peculiaridade. Isso porque sugere a contratação de funcionários para atuar em uma Organização Social (Os), na Saúde. E chama atenção por causa do número de telefone disponibilizado, que em uma breve pesquisa fica claro pertencer a uma instituição recém-habilitada pelo governador, Rodrigo Rollemberg (PSB), à condição doe OS.

De acordo com a mensagem encaminhada por uma concursada, que aguarda nomeação na SES-DF, e pede para não ser identificada, a mensagem informa sobre a contratação de trabalhadores.

 “Inclusive já esta pegando nomes de pessoas para trabalhar. O telefone e 3225-0967. E só ligar. Falar com a responsável Raisa. Boa tarde, no grupo da SES, alguém postou informação que já estão contratando funcionários para as OS, não sei se é verdade mas vou repassar! Gente vê se pode. O governador está fazendo por debaixo dos panos. No Hospital do Paranoá estão mandado os profissionais escolherem p/onde querem ir. Acabei de saber por uma colega do hospital de base. (SIC)”.

Em uma rápida pesquisa ao site de busca Google é possível constatar que o número de telefone pertence ao Grupo de Apoio à Medicina Preventiva e a Saúde Pública (GAMP), com sede em São Paulo e filial no DF. A Instituição foi qualificada por meio de decreto 37.080 em 25 de janeiro. Na mesma data o Instituto Santa Marta de Educação e Saúde (ISMES) também recebeu a mesma  qualificação, por força do Decreto 37.081, por parte de Rollembeg.

Publicidade

OSsgam

Especulação

Política Distrital conversou com o Secretário de Estado de Saúde, Fábio Gondim, que chamou de especulativa a mensagem que circula em grupos do Whatsapp. “Não há o menor fundo de verdade nessa informação.”, afirmou ao observar. “Me parece uma mensagem orquestrada, mas é pura especulação.”, concluiu Gondim.

E agora José?

Política Distrital tentou contatar a pessoa indicada pelo número publicado na mensagem, mas não obteve êxito.

Embora tudo não passe de mera especulação, as perguntas que não querem calar são: É brincadeira de mau gosto? Ou será uma ação orquestrada? E por quem e com quais objetivos?

Erramos:

Onde Leu-se: Política Distrital tentou contatar a pessoa indicada pelo número publicado na mensagem, mas não obteve êxito. Entenda-se: …, mas não obteve êxito

Atualização: 07/02/2016 às 21h