Sinpol-DF manifesta pesar pela morte de mais um policial em combate

120
Print Friendly, PDF & Email

Para toda a comunidade policial de Brasília, o feriado de Carnaval será de luto. No fim da tarde desta sexta-feira, 5, o cabo da Polícia Militar Renato Fernandes da Silva veio a óbito após um acidente, durante perseguição a um automóvel roubado, que deixou ainda outros três policiais feridos.

O Sindicato dos Policiais Civis do Distrito Federal (Sinpol-DF) lamenta a morte do colega e se solidariza com o sofrimento dos parentes e amigos. Em especial, externa o mais profundo pesar a todos os colegas policiais militares. É mais um pai de família que perde a vida no cumprimento do dever. O cabo Renato servia ​a​ instituição há 12 anos e, atualmente, fazia parte do Grupo Tático Operacional do 2º Batalhão da PM.

Para o Sinpol-DF, o momento pede da sociedade e sobretudo do poder público uma reflexão sobre a necessidade de um maior reconhecimento do trabalho heróico desenvolvido por esses profissionais, que não raro sacrificam a vida em prol da segurança pública.

Publicidade

Não bastasse o risco diário que corremos ao enfrentar o crime 24 horas por dia, em defesa da população, ainda temos que nos preocupar com equipamentos obsoletos, armamento defeituoso, viaturas sem manutenção adequada, coletes e munições com prazos de validade vencidos, falta de efetivo e sobrecarga de trabalho. Não podemos permitir que o sucateamento da segurança pública traga como consequência mais perda de vidas.

Quando morre um policial, a sociedade perde mais um herói, mais um guardião. Para nosso conforto, os céus recebem mais um anjo.

Descanse em paz, cabo PM Renato Fernandes da Silva!

Fonte: Ascom Sinpol-DF

 

Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!
Artigo anteriorAberta consulta pública ao Plano Distrital de Saúde 2016/2019
Próximo artigoEnterro de Cabo Renato (PMDF) é marcado por união policial e hostilidade ao governador do DF